Heron Queiroz

O ciclismo abriu as competições nos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para estudantes de 15 a 17 anos com as provas de 500m contrarrelógio e resistência. As provas aconteceram na Avenida dos Imigrantes, em São Bento do Sul, com a largada dos 500m às 14h e contrarrelógio às 15h15. 

Nas provas femininas de contrarrelógio e resistência, a classificação foi a mesma:

1ª Vitória Claudino, da EEB Alfredo Dalfovo (Rio do Sul – 12ª ADR)

2ª Mariana Marli Pereira, do Colégio Amplo (Brusque – 20ª ADR)

3ª Larissa Izabel, da EEB Gov. Ivo Silveira (Brusque – 20ª ADR)

O feminino teve a mesma classificação nas duas provas                 Foto Heron Queiroz

 

No masculino a prova de contrarrelógio teve a seguinte classificação:

1º Rodrigo Valin de Bem, da EEB Rubens de Arruda Ramos (Criciúma – 20ª ADR)

2º Luiz Guilherme Morosini Basso, da EEB Bom Pastor (Chapecó – 4ª ADR)

3º Bruno Renato Vieira, da EEB Rubens de Arruda Ramos (Criciúma – 20ª ADR)

Nos 500m contrarrelógio, Criciúma levou ouro e bronze                   Foto: Heron Queiroz

 

Já na resitência, a classificação foi:

1º João Henrique Sotilli Valcarenghi, da EEB Bom Pastor (Chapecó – 4ª ADR)

2º Danilo Filho, da EEB Rubens de Arruda Ramos (Criciúma – 20ª ADR)

3º Luiz Guilherme Morosini Basso, da EEB Bom Pastor (Chapecó – 4ª ADR)

E na prova de resistência, Chapecó também levou ouro e bronze       Foto: Heron Queiroz

As escolas de Criciúma e Chapecó no masculino das duas provas. Segundo o técnico  de Chapecó, Evandro Ferronato, esse destaque se dá porque o Município tem buscado fazer trabalho pelo cidadão chapecoense. “Os três atletas são da cidade, que já é um celeiro de bons ciclistas, como Daniel Rogelin e Douglas Moi”, destaca Ferronato, que ainda compete nos Jasc e dirige o ciclismo escolar na cidade há 10 anos.

 

Os Jesc de 15 a 17 anos são promovidos pelo Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, tendo como parceiros desta edição a Secretaria de Estado da Educação, a Agência de Desenvolvimento Regional de Mafra e o Município de São Bento do Sul.

Texto: Heron Queiroz

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Foi paixão à primeira vista para Taisa Raqueli Lazareti quando foi apresentada, pela professora Rosane Kummer, ao badminton. As competições oficiais da modalidade começaram ainda muito recentemente nos eventos da Fesporte. Apenas em 2012 a modalidade foi incluída nos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc). Já naquele primeiro ano, Taisa foi campeã regional, e nos três anos que se seguiram, conquistou título de campeã estadual. Nesta edição dos Jesc (15 a 17) em São Bento do Sul, Taisa se diz preparada para a conquista do tetracampeonato.

Natural de São José do Cedro, Taisa, 17 anos,  cursa o terceiro ano do ensino médio na Escola Estadual Cedrense. Além de dividir o tempo diário entre estudos e treinos, ela trabalha como babá. “Adoro crianças”, confessa sorrindo cheia de orgulho.

Ela destaca que, embora não tenha obtido boa classificação no nacional, quando participou em 2013, ainda disputando pela categoria de 12 a 14 anos, foi bastante elogiada, e lamenta que a categoria superior (15 a 17) não tenha ainda a inclusão da modalidade de badminton no nacional.

Taisa em busca do tetra                         Foto: Heron Queiroz

 

Os Jesc de 15 a 17 anos são promovidos pelo Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, tendo como parceiros desta edição a Secretaria de Estado da Educação, a Agência de Desenvolvimento Regional de Mafra e o Município de São Bento do Sul.

 

Texto: Heron Queiroz

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Jovem e de boa estatura, Pâmela trocou o basquete pelo handebol, e hoje é uma promessa cada vez mais real na modalidade.

Há cerca de três anos, a blumenauense de 1,81m , 17 anos, Pâmela Rodrigues Meira, quando treinava basquetebol, foi observada pela técnica Josiane Pinheiros, que a convidou para treinar handebol. Hoje Pâmela é uma das principais goleiras do handebol catarinense na categoria, tendo já defendido a seleção brasileira juvenil.

Ela diz que pretende seguir carreira no handebol, e que sonha passar por clubes importantes do Brasil e até mesmo da Europa e chegar às Olimpíadas. Pâmela ainda destaca que há necessidade de que o Brasil invista mais em modalidades que não têm tanta visibilidade. 

A respeito dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), a goleira afirma que “esporte escolar é primordial porque é dele que o atleta começa a evoluir e vai para algum clube”. E completa: “estar envolvido com esporte, você só vai levar coisas boas na vida”.

Estudante do terceiro ano do ensino médio, na Escola Técnica do Vale do Itajaí (Etevi), Pâmela diz que vale a pena o esforço para conciliar os treinos diários com os estudos, já que, segundo ela, seu projeto é cursar o ensino superior em educação física. “Pretendo fazer faculdade para poder dar continuidade aos trabalhos, tentar descobrir novos atletas e gerar incentivos para que o Brasil possa ver todas as modalidades como esporte, e não apenas o futebol”, conclui.

Pâmela sonha em jogar em grandes clubes                                                  Foto Heron Queiroz

 

Os Jesc (15 a 17 anos) são promovidos pelo Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, tendo como parceiros desta edição a Secretaria de Estado da Educação, a Agência de Desenvolvimento Regional de Mafra e o Município de São Bento do Sul.

Texto: Heron Queiroz

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

A abertura dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para estudantes de 15 a 17 anos foi realizada na área que abrange a escadaria da Igreja Matriz Puríssimo Coração de Maria e a Praça Getúlio Vargas, no Centro de São Bento do Sul, na noite desta quinta-feira (15). Com início às 18h30, o cerimonial contou com a presença do presidente da Fesporte, Milton Cunha, e do secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Mafra, Abel Schroeder, a quem coube pronunciar a declaração de abertura oficial do evento. 

A tocha foi conduzida pela atleta de natação Laura Grossl e pelo destaque da seleção brasileira de ciclismo, Ricardo Pscheidt. O acendimento da pira deu sequência a um belo momento pirotécnico, sobre a Igreja Matriz. O juramento foi proferido pelo jogador de handebol, Geovani Falchomer. 

Milton Cunha destacou que “os Jesc justificam a existência da Fesporte, porque são esporte de base, que trata do futuro de Santa Catarina”.

“É um paradoxo, porque na sua competência esportiva os atletas são produtos dos professores e ao mesmo tempo a razão de eles existirem”, completou Schroeder, reforçando o momento de homenagem aos professores feita depois do juramento.

Autoridades destacam a importância de atletas e professores para os Jesc  Foto: Antonio Prado

O evento conta com a participação de cerca de 1.625 atletas em busca da consagração nas modalidades de atletismo, basquetebol, badminton, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, natação, voleibol, vôlei de praia e xadrez, nesta que é a mais tradicional competição de esporte escolar de Santa Catarina. Por questões técnicas, natação e ginástica rítmica serão disputadas em Florianópolis, e Judô, em Camboriú. São 65 escolas envolvidas nas disputas.

Com a promoção do Governo do Estado e realização da Fesporte, em parceria com a ADR de Mafra e Município de São Bento do Sul, as competições começam nessa sexta-feira (16) e se estendem até o próximo domingo (18).

Esta é a nona edição do evento na versão de 15 a 17 anos, desde que sofreu divisão por faixa etária para atender a formatação nacional, uma vez que os Jesc são classificatórios para os Jogos Escolares da Juventude, que serão realizados de 10 a 19 de novembro, em João Pessoa, na Paraíba.

Texto: Heron Queiroz

 

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 88027742

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

No próximo final de semana, dias 17 e 18 de setembro, será realizada a etapa microrregional do Festival Escolar Dança Catarina no município de Ipira. O evento envolve as ADRs de Seara, Concórdia e Xanxerê. As competições iniciam às 18h30 no Ginásio Municipal de Esportes de Ipira.

O evento contará com a participação de aproximadamente 500 alunos das três ADRs participantes. São 30 coreografias competitivas, 11 casais na dança de salão e quatro performances na mostra não competitiva.

“Felizmente mais um ano que a regional de Seara é destaque pela expressiva participação no Festival Dança Catarina. Somos a Gerência de Educação com a maior participação até o momento nas Etapas Microrregionais. Este é o resultado do comprometimento e dedicação das nossas escolas e professores que a cada ano estão mais motivados e envolvidos. A parceria com os municípios foi fundamental para que tivéssemos 100% de nossos municípios participando do Festival que já está consolidado em nossa região”, destaca o integrador esportivo de Seara, Paulo Roberto Dalla Valle.

Neste ano o Festival Dança Catarina acontece em um novo formato, em que a competição ocorre entre 3 ADRs e o campeão e vice em cada categoria estarão competindo na etapa estadual, que acontecerá em Itá, de 25 a 27 de novembro de 2016.

Texto: Glauco Benetti - Assessoria de Comunicação da ADR de Seara.

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 88027742

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

ADR Araranguá promoverá congresso técnico (CT) da etapa microrregional do Moleque Bom de Bola.

A etapa microrregional do Moleque Bom de Bola será disputada na próxima semana, a partir do dia 20 de setembro, no Município de Sombrio, com a realização do Governo de Santa Catarina, por meio da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Araranguá, Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) e apoio da Prefeitura de Sombrio.

O congresso técnico para confirmar as equipes participantes da etapa microrregional, realizar a entrega da ficha de inscrição, sorteio das chaves, discussão do regulamento e avisos gerais acontecerá nesta quarta-feira, 14, às 14 horas, no Complexo Esportivo Santa Helena (Casa de pedra).

O integrador esportivo da ADR Araranguá, Rogério Henrique Gonçalves, explica que participarão do congresso técnico os professores das equipes classificadas nas fase municipais da competição, nos dois naipes, pertencentes aos 15 Municípios da Região do Extremo-Sul.

Texto: Leneza Della Krás

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 88027742

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Pagina 77 de 78