Terça, 06 Agosto 2019 21:42

Consumidos mais de 16 toneladas em alimentos nos Jesc Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Os Jesc contemplam cerca de 2.800 estudantes Os Jesc contemplam cerca de 2.800 estudantes Foto: Antonio Prado/Fesporte

São oito dias de competições, nove modalidades esportivas em disputa e cerca de 2.800 estudantes de 12 a 14 anos de 290 escolas catarinenses. É a etapa estadual dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), que, desde o dia 3 de agosto (até sábado, dia 10), agita a cidade de Curitibanos, no Meio Oeste catarinense. No total, cerca de 4.500 pessoas circulam pelo município por causa da competição.

Além dos estudantes atletas, técnicos, treinadores, professores, imprensa, familiares, árbitros, integrantes da Fesporte, entre outros, circulam pelas praças esportivas da cidade.  A alimentação dos atletas, arbitragem e professores/treinadores fica por conta da Fesporte, organizadora do evento, por meio da São Bento Alimentos, que ganhou a licitação pública. 

Para alimentar esse batalhão de pessoas foi preciso montar uma estrutura de primeira no parque de exposições de Curitibanos.

Nos oito dias de competições, será fornecida uma média de 3.900 refeições por dia, isso sem contar o café da manhã. A média, segundo os organizadores, é de 16,1 toneladas  durante os jogos, incluindo nesse bojo carne, feijão, arroz, macarrão, salada, açúcar, cuca e frutas.

No outro campo de alimentos, aí não computados dentro das 16 mil toneladas, estão suco, gelatina, café, achacolatado, iogurte, pão, sanduiche e água.

                                Confira o ambiente da alimentação

Para que tudo saia perfeito, a São Bento Alimentos montou uma cozinha de primeira e disponibilizou 19 profissionais: três cozinheiros, dois auxiliares de cozinha, dois chapeiros, duas saladeiras, quatro repositores, quatro serviços gerais, um chefe de cozinha e um supervisor.

“Trabalhamos nos Jesc há dez anos e sempre é um prazer contribuir com estes atletas que estão em início de carreira. A responsabilidade aqui é muito grande, prezamos pela qualidade. Nada pode dar errado”, explica Roberto ‘Pit’, supervisor da São Bento Alimentos. Ele informa que para garantir o controle de qualidade e sanitário diariamente são colhidas amostras do alimento que são congeladas por até 72 horas. “Isso é essencial para garantir análise do alimento numa eventual anormalidade para se corrigir um possível erro”, esclarece Pit.

À frente da cozinha, está o experiente chefe Zélio Pereira, 47 anos, 28 dos quais dedicados à gastronomia. “Para que o alimento saia com qualidade, temos que cozinhá-lo a 74oC e isso aqui em Curitibanos é feito à risca, pois nossa responsabilidade é muito grande”, ensina.

Veja em números o consumo dos participantes dos Jesc em oito dias

Carne: 2,6 toneladas

Feijão:  1 tonelada

Arroz: 1,2 toneladas

Macarrão: 900 quilos

Salada:  2,3 toneladas

Açúcar: 100 quilos

Cuca: 600 quilos

Frutas: 600 quilos

Demais alimentos

Sanduiche: 14 mil unidades

Suco: 7.500 litros

Gelatina: 2.750 litros

Café: 1.500 litros 

Água: 1.500 litros

Achacolatado : 600 litros

Iogurte: 200 litros

Além da alimentação a Fesporte disponibiliza para as escolas participantes o transporte. Para os Jesc em Curitibanos, foram cedidos 105 ônibus, que, incluindo o trajeto de cada município até o local da competição e o deslocamento dentro da cidade, devem perfazer cerca de 100 mil quilômetros rodados até o fim do evento.

A etapa estadual dos Jesc é uma promoção do Governo de Santa Catarina @governosc, por meio da Fesporte, em parceria com a prefeitura de Curitibanos.

Texto: Antonio Prado/Ascom Fesporte

Lido 634 vezes Última modificação em Terça, 06 Agosto 2019 21:51

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.