×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 317

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Promessa de SC, Valquíria leva o ouro com direito a recorde

Natal - Vencer no esporte sempre é bom. Ser campeã nacional, então, ainda melhor. Imagine então o que significa ser campeã nacional da sua modalidade, com direito a quebra de recorde. Em uma conversa neste sábado à noite, já no hotel da delegação catarinense, a ficha de Valquíria Meurer, 14 anos, ainda não tinha caído. Nem ligar para casa para contar a novidade ela tinha. O feito? Valquíria, de Braço do Norte, destroçou o antigo recorde do lançamento do disco, que pertencia a outra catarinense.

Valquíria era só sorrisos na premiação. Na primeira vez em uma competição nacional, mostrou todo o potencial, descoberto há quatro anos pelo treinador na Escola Antônio Rohden, no Sul do Estado. Com 37,50 metros, quebrou com sobras o antigo recorde da prova, que foi estabelecido em 2012 por Samara Fortunato, de Joinville (35,40 metros). E mais: em relação a segunda colocada na prova, abriu uma impressionante distância de quase oito metros!

 

E neste domingo, as chances de Valquíria repetir o feito são grandes. A menina de sorriso fácil, que sonha em ser atleta da Seleção Brasileira e conhecer outros países competindo, é favorita na prova do arrremesso de peso, no complexo da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Dupla faz dobradinha dourada na estreia

Natal - Em sua primeira disputa nacional, Luiz Fernando Matias, de Rio do Sul, não deu chance aos adversários e conquistou, neste sábado pela manhã, a medalha de ouro dos Jogos Escolares da Juventude 2013, etapa 12 a 14 anos. Foi a terceira de Santa Catarina nos Jogos, que estão sendo disputados até o próximo dia 14 em Natal (RN).

O catarinense de 14 anos, aluno da Escola Paulo Zimmermann, em Rio do Sul, atingiu a marca de 14.76m no arremesso de peso, ficando com o ouro. Luiz Fernando, que iniciou os treinamentos na modalidade apenas esse ano, estava orgulhoso pela conquista. “Estou me sentido muito bem, orgulhoso de mim por ter treinado tanto e já estar dando resultado. Dedico essa medalha aos meus companheiros de treino”, disse o aluno da oitava série, afirmando que agora vai se dedicar ainda mais à prova. “Gosto muito do arremesso. É uma prova muito técnica, mas que necessita de bastante força”, completou.

Mais tarde, Luiz Fernando ficou em sétimo no lançamento do disco, prova vencida pelo parceiro de escola Paulo Zimmermann, o xará Luiz Felipe Bernardo da Costa. Dobradinha muito comemorada pelos companheiros de treinos na cidade do Alto Vale catarinense

 

Os Jogos Escolares da Juventude Natal 2013 são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico Brasileiro, correalizados por Ministério do Esporte e Organizações Globo, com patrocínio da Coca-Cola e apoio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e da Prefeitura Municipal de Natal. A Fesporte é responsável pela logística e transporte da delegação catarinense, composta por 191 pessoas, sendo 159 atletas que obtiveram a classificação na etapa estadual dos Jogos Escolares, no fim de julho, em São Miguel do Oeste.

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Vai para Brusque o primeiro ouro dos Jogos Escolares

Natal – Não poderiam ter começado melhor os Jogos Escolares da Juventude – etapa 12 a 14 anos – para a delegação de Santa Catarina. A primeira medalha a sair em Natal vai para Brusque. Mais especificamente, para a casa da ciclista Mariana Pereira, 14 anos, que representa o Colégio Cônsul.

A jovem venceu nesta sexta-feira a primeira prova a distribuir medalhas nos Jogos: o contra-relógio de 500 metros. A disputa foi na cidade de Macaíba, vizinha a Natal, e Mariana fez valer o último mês de treinos intensos, desde a classificação nos Jogos Escolares de Santa Catarina (JESC), em São Miguel do Oeste, e toda a concentração desde a chegada à capital potiguar. Venceu com direito ao melhor tempo da carreira.

“Estou muito feliz. Vinha treinando muito forte e focada nesta competição. Queria muito uma medalha, mas conseguir o ouro foi uma surpresa boa”, disse Mariana, que está disputando os Jogos Escolares pela terceira vez e conseguiu a primeira medalha.

O ano tem mesmo sido especial para a jovem brusquense. Apesar da terceira edição que disputa, é dessa vez que Mariana está, de fato, competindo para valer. Fruto de uma virada na carreira: o técnico percebeu o potencial da ciclista e a encaminhou para a equipe de Criciúma, base da Seleção Brasileira. Hoje, ela mora e treina em Brusque, supervisionada pelo técnico da equipe de Criciúma, por onde ela compete nas demais competições da temporada.

Mariana durante a prova dos contra-relógio 500 metros. Ela ainda disputará outras duas provas em Natal. Foto: Inovafoto/COB

Mariana ainda vai competir em outras duas provas nos Jogos Escolares da Juventude: o circuito no sábado e o critério, no domingo. E espera repetir a façanha, que já lhe rendeu a participação nos Jogos Sul-Americanos Escolares, que ainda terão datas e local definidos:

“Foi muito legal ganhar a primeira medalha, recebê-la lá no refeitório dos atletas, ganhar aplausos de tanta gente, não vou esquecer jamais. É um incentivo e tanto para a minha carreira”, revelou Mariana.

 

Os Jogos Escolares da Juventude – etapa 12 a 14 anos – começaram na quinta-feira (5), na capital potiguar, e prosseguem até o próximo dia 14. Santa Catarina aparece como uma das favoritas ao título, com uma delegação de 191 pessoas, sendo 159 atletas. A Fesporte é responsável pelo transporte e por toda a logística dos representantes do Estado. 

 

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Delegação de SC embarca para os Jogos Escolares em Natal

Natal - Serão mais de 4 mil atletas de todos os cantos do Brasil. Um recorde. Só isso já bastaria para dimensionar a importância dos Jogos Escolares da Juventude 2013, etapa para jovens de 12 a 14 anos, que começa oficialmente nesta quinta-feira em Natal (RN).

Mas da quantidade, o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e as Confederações Brasileiras Olímpicas buscam a qualidade. A competição realizada pelo COB tem contribuído para a revelação de talentos para o esporte brasileiro. Nos Jogos Olímpicos Londres 2012, dos 259 atletas da delegação brasileira, 17 participaram das competições estudantis como esta. Entre eles, as medalhistas olímpicas Sarah Menezes e Mayra Aguiar (judô); as finalistas olímpicas Rosângela Santos e Ana Cláudia Lemos (atletismo); e o semifinalista Leonardo de Deus (natação), além de atletas de basquete, futebol e handebol.

O maior evento esportivo estudantil do país, que será realizado até dia 14 na capital do Rio Grande do Norte, reunirá mais de 4,3 mil atletas na disputa de 13 modalidades (atletismo, badminton, basquete, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, luta olímpica, natação, tênis de mesa, vôlei e xadrez). Santa Catarina, que desembarcou nesta quarta-feira em Natal com a primeira parte da delegação (atletas que disputarão as modalidades individuais), terá no total 159 jovens buscando medalhas, e entra como uma das favoritas ao título, ao lado de São Paulo.

Durante oito anos, as Olimpíadas Escolares revelaram dezenas de atletas para o Time Brasil, aproveitados em diversas competições internacionais como os Jogos Olímpicos Londres 2012, os Jogos Sul-americanos Medellín 2010 e os Jogos Olímpicos da Juventude Cingapura 2010. Organizada pelo COB desde 2005, a maior competição esportiva estudantil do país mudou de nome para Jogos Escolares da Juventude. Além de revelar atletas para as seleções brasileiras, a competição estimula a prática esportiva saudável entre milhões de jovens estudantes. Com esses resultados, a expectativa é de que nos Jogos Olímpicos Rio 2016, o número de jovens talentos brasileiros descobertos nas competições estudantis seja ainda maior.

 

Os Jogos Escolares da Juventude priorizam a relação multidisciplinar entre a educação, o esporte, a cultura e o meio-ambiente. Dessa forma, o programa incentiva a prática esportiva entre os jovens brasileiros; cria um ambiente favorável ao desporto dentro e fora da escola; promove um diversificado intercâmbio cultural existente num país de dimensões continentais; e incentiva o respeito ao próximo e à natureza. O sucesso e a continuidade desse trabalho são possíveis graças a mais de dois milhões de alunos atletas de, aproximadamente, 3.900 cidades, que participaram das fases seletivas apenas neste ano.
Os Jogos Escolares da Juventude Natal 2013 são organizados e realizados pelo Comitê Olímpico Brasileiro, correalizados por Ministério do Esporte e Organizações Globo, com patrocínio da Coca-Cola e apoio do Governo do Estado do Rio Grande do Norte e da Prefeitura Municipal de Natal. A Fesporte é responsável pelo transporte e toda a logística da delegação catarinense.

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Xanxerê e Concórdia recebem os Jesc 12-14 anos

Xanxerê/Concórdia - Os Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) 12-14 anos movimentam desta quarta-feira (19) até o próximo domingo (23) duas cidades catarinenses: Xanxerê (sede da regional Oeste) e Concórdia (etapa Centro-Oeste). Depois, entre os dias 26 e 29, Rodeio, que abrigará as disputas da região Leste-Norte, e Araranguá, as do Sul, vão complementar a rodada de fases classificatórias para a disputa estadual, que ocorrerá em julho, em São Miguel do Oeste. Em todas as etapas, desde as municipais, os Jesc 12-14 anos vão envolver um total de 149.538 alunos de 1.251 escolas catarinenses – o equivalente a 59,6% das 2.097 escolas existentes no Estado para esta faixa etária.

As cerimônias de abertura das regionais Oeste e Centro-Oeste serão realizadas nesta quarta-feira (19), às 19h. A de Xanxerê será no ginásio Ivo Sguissardi enquanto que a de Concórdia terá como palco o ginásio Ivo Silveira. A partir de quinta-feira, os estudantes disputarão o titulo do badminton, basquete, futsal, handebol, tênis de mesa, vôlei e xadrez. O campeão de cada modalidade garante vaga para a etapa estadual, de 24 a 27 de julho, em São Miguel do Oeste. Os Jesc são uma promoção do governo do Estado, com realização da Fesporte e apoio das Secretarias de Desenvolvimento Regional (SDRs) e das prefeituras.

Segundo Ademar Silva, diretor técnico dos Jogos Escolares de Santa Catarina, o evento é importante não somente para revelar futuros atletas, mas também para proporcionar aos estudantes participantes um intercâmbio esportivo. “Muitos destes atletas nunca teriam oportunidade de viajar e conhecer outros lugares do Estado se não fosse por meio do esporte. Então, também neste ponto de vista, os Jesc cumprem o seu papel”, destaca o dirigente.


Informações adicionais:

Antonio Prado

(48) 3665-6126

(48) 9696-3045

Pagina 29 de 29