Prado

Por Júlio Castro

Cerca de 30 atletas catarinenses, entre medalhistas e participantes dos Jogos Escolares da Juventude (JEJs) e da Paralimpíada Escolar, foram recebidos na tarde de quinta-feira , dia 13, no gabinete do governador Eduardo Pinho Moreira. A comitiva liderada pela presidente da Fesporte professora Natália Lúcia Petry foi recepcionada pelo comandante de gabinete, o ex-secretário Miguel Ximenes que justificou a ausência do governador devido a problemas familiares. 

Nos JEJs, disputado em Natal/RN e a Paralimpíada, em São Paulo, no período de 12 a 26 de novembro, Santa Catarina esteve representada por 400 atletas nas modalidades coletivas e individuais. No uso da palavra, durante o encontro no Centro Administrativo, Natália Lúcia Petry destacou o esforço e dedicação dos atletas em busca de medalhas e fez um agradecimento especial ao governo do Estado pelo apoio dispensado à participação catarinense nas competições nacionais. 

“Fomos vice-campeões na Paralimpíada e nos Jogos Escolares ficamos entre as três principais forças do esporte amador brasileiro. Isso nos enche de muito orgulho e satisfação para sempre buscar voos mais altos. E quando falo em orgulho, reforço nosso sentimento de gratidão ao esforço que o Estado, na pessoal do Governador Eduardo Pinho Moreira, tem dispensada para o fomento do esporte em todas as regiões de Santa Catarina”, comentou Natália Petry. 

“Todos são merecedores dos nossos parabéns. Fica aqui a nossa torcida para que, em nome do governo, essa participação cresça cada vez mais e, sempre, com muitas conquistas”, comentou o comandante de gabinete Miguel Ximenes.  Na Paralimpíada, a delegação catarinense de 108 atletas conquistou 92 medalhas, sendo 45 de ouro, 26 de prata e 23 de bronze, perdendo apenas para São Paulo entre os todos os estados da Federação participantes. Nos Jogos Escolares, foram 72 medalhas, sendo 13 de ouro, 37 de prata e 22 de bronze.

Por Antonio Prado

Funcionários e Integradores educacionais participaram da festa de confraternização da Fesporte, realizada nesta quarta-feira,  12, na sede da entidade, em Florianópolis. Antes da festa, porém, a gerências da Fesporte, bem como as diretorias de administração e de esporte apresentaram um balanço das ações em 2018.

No total, contabilizando todos os eventos do calendário anual da Fesporte, a instituição contemplou 291.821 atletas em eventos como Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), Joguinhos Abertos de Santa Catarina, Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc), Olimpíada das Apaes,  Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) 12 a 14 anos e 15 a 17 anos, Festival Escolar Dança Catarina e Campeonato Catarinense Escolar de Futebol – Moleque Bom de Bola.

O ano de 2018 também foi especial na comunicação da Fesporte. O Facebook oficial da instituição, que conta hoje com 38.130 seguidores, teve um aumento de 4.301 novos fãs. As 107 transmissões ao vivo em eventos como Jasc, Parajasc, Moleque bom de Bola e Olesc corresponderam a mais de 170 horas no ar com uma audiência de mais de 737 mil webespectadores. Durante do todo o ano foram 53.452 publicações (entre notícias, fotos e vídeos no site e nas redes sociais) o que alavancou um alcance de  quase 4 milhões de pessoas.

Foram produzidas no ano 50.098 fotos que foram compartilhas no Flickr e página do Facebook, totalizando atualmente 96.677 imagens. De agosto até dezembro, foram criadas mais de 400 peças publicitárias referentes aos eventos da Fesporte. 

Funcionários da Fesporte e integradores educacionais após balanço das ações de 2018 (Foto: divulgação Fesporte)

A cerimônia teve a participação do Secretário de Turismo, Cultura e Esporte Tufi Michreff Neto. A presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, agradeceu o empenho de todos os funcionários da Fesporte e os integradores educacionais, que segundo ela foram determinantes para um ano de sucesso. Natália agradeceu também a confiança do governador Eduardo Pinho a ela depositada durante o período em que ela esteve na presidência da Fesporte.

 Na ocasião, além do balanço das ações, foi apresentado o calendário da Fesporte para o ano de 2019, que ainda será homologado pelo Conselho Estadual de Esporte. 

Para a presidente da Fesporte, professora Natália  Lúcia Petry,  ano de 2018 foi bastante positivo,  pois conseguiu realizar com sucesso o calendário e ainda implantar algumas ações como Fesporte Social, que na Olesc,  possibilitou a doação de brinquedos  ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e ao  Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de Indaial e Timbó.

Natalia lembrou também que o ano de 2018 foi de consolidação de Santa Catarina como um estado de referência no esporte escolar, em que conquistou 72 medalhas nos Jogos Escolares da Juventude, em Natal (RN), e também no Paradesporto, em que Santa Catarina participou das Paralimpíadas Escolares em São Paulo, fechando a competição com 94 medalhas.

“Por tudo isso Santa Catarina continua sendo um estado referência para instituições como o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB)“, destacou a presidente. 

Apesar da confraternização a Fesporte funcionará normalmente até do dia 28 de dezembro.

CONFIRA OS EVENTOS DA FESPORTE EM 2018 EM NÚMEROS

EVENTOS DE RENDIMENTO

Jasc, Olesc, Joguinhos

Total de atletas atendidos em todas as etapas: 32.667

EVENTOS DE PARTICIPAÇÃO

Jasti, Parajasc, Parajesc e Olimpíada das Apaes

Total de atletas atendidos em todas as etapas: 10.859

EVENTOS DE ESPORTES DE BASE E INCLUSÃO

Jesc 12/14, Jesc 15/17, Parajesc, Moleque Bom de Bola e Dança Catarina: 248.295

TOTAL DE ATLETAS ATENDIDOS: 291.821

Por Antonio Prado

Integrantes da Fesporte, por meio do Projeto Fesporte Social, entregaram a  representantes de Indaial e Timbó, nesta sexta-feira, 7, em Indaial, durante a Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), dezenas de brinquedos para serem distribuídos à famílias de baixa renda atendidas pelos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) dos dois municípios.

A doação dos brinquedos faz parte da ação Natal Solidário, instituída pela Fesporte recentemente. A doação teve a participação de funcionários da Fesporte, técnicos, dirigentes e atletas que participam da Olesc. A iniciativa do Natal Solidário na Olesc partiu da Assessoria de Comunicação da Fesporte, que levou a ideia para a presidência da instituição com a participação da diretoria de esportes. 

“Agradeço a Fesporte pela iniciativa. Muitas crianças de nossa cidade ficarão felizes neste natal com esta iniciativa”, disse Ademir Packer, secretário de esportes de Indaial.

Representantes de Indaial, Timbó e Fesporte durante cerimônia de entrega de brinquedos (Foto: Antonio Prado)

“Aproveitar a Olesc para fazer esta iniciativa foi um momento oportuno, pois estamos aproveitando um evento que se organiza próximo ao natal para doar presentes para crianças mais necessitadas”, destacou Márcio Elisio, presidente da Fundação de Esporte de Timbó.

“Queremos fazer mais ações desta natureza nos eventos da Fesporte, pois o esporte é um canal importante não somente para a integração social das pessoas, mas também poder ser um instrumento de solidariedade. E doar brinquedos para pessoas de baixa renda é um ato solidário”, destaca a presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry.

O ato de entrega de brinquedos teve a participação de Ademir Packer, Márcio Elisio, além dos representantes das Fesporte Jeferson Ramos Batista, diretor de Esporte; e Mauricio Scharf, coordenador geral da Olesc.

 

Por Antonio Prado

A sexta-feira, 7, penúltimo dia de disputas do judô da Olesc, foi marcada pela liderança incontestável de Itajaí no masculino e feminino. Entretanto, somente após as lutas por equipe neste sábado, é que serão definidos os campeões gerais da modalidade.

Itajaí lidera no masculino com 55 pontos, seguido de Blumenau, com 38, e Florianópolis, em terceiro lugar com 27 pontos.

Entre as mulheres Itajaí está com 39 pontos e Joinville, vem logo em seguida, em segundo lugar com 28 pontos. e Florianópolis fecha em terceiro lugar com 25 pontos.

Entre as medalhas de ouro do dia dos itajaienses destaque para Pietro Trindade, que venceu por ipon na final a Igor Nascimento, de Blumenau, na categoria menos 64 quilos.

A itajaiense Maria Beatriz foi ouro a derrotar por um wazari a Midian Oliveira, de Florianópolis. “É meu primeiro ano de Olesc e já levar uma medalha de ouro é muito gratificante”, comemorou Maria Beatriz.

“Essa medalha de ouro foi muito importante para o meu crescimento de meu judô e tive a felicidade de vencer todas as minhas cinco lutas, quatro por ippon” admitiu o campeão Pietro.

 

 

Por Antonio Prado

A presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, recebeu na manhã desta sexta-feira, 7, no plenário da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), em Florianópolis, o prêmio Destaque Esportivo – Padrão de Excelência, destinado para personalidades que se destacaram no esporte e no jornalismo esportivo durante 2018.

Foram agraciados com a outorga, criada em 2013 pela Rádio AL, 16  atletas, ex-atletas, árbitros e profissionais da comunicação.

“Quero estender esta homenagem a toda a equipe da Fesporte, que tem me apoiado e se dedicado ao cumprimento das nossas ações esportivas, e também a todos aqueles que fazem do esporte catarinense ser o que é. Se sou digna em receber esta homenagem, é porque tenho o companheirismo de muita gente comprometida com projetos de desenvolvimento socioesportivo de Santa Catarina”.

Natália e o filho Vinícius durante a cerimônia (Foto: Divulgação)

Natália lembra que 2018 foi ano especial principalmente para o esporte escolar de Santa Catarina. “Recentemente conquistamos 72 medalhas nos Jogos Escolares da Juventude, em Natal, ficando entre os três primeiros lugares do Brasil. E no mesmo período conquistamos 92 medalhas nas Paralimpíadas Escolares, em São Paulo, sendo o estado vice-campeão geral da competição”.

A presidente da Fesporte continua: “Entre uma competição e outra fomos considerados pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) e Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) como um estado referência para o Brasil no esporte escolar e no paradesporto escolar. Por tudo isso o ano de 2018 foi bastante positivo para o esporte de Santa Catarina”, finalizou Natália.

 

Edenilson Leandro, especial para a Fesporte

Na primeira movimentação de modalidade coletiva desta sexta-feira (7), penúltimo dia da Olesc 2018 em Indaial e Timbó, as equipes de Palma Sola e Blumenau se classificaram para a grande final do handebol feminino.

A disputa pelo troféu será às 10h15 deste sábado (8), no ginásio da Associação de Servidores Municipais de Timbó.

Nas semifinais realizadas nesta sexta pela manhã, Palma Sola derrotou Itajaí por 26 a 22 e Blumenau derrotou Tubarão por 20 a 17.

A rodada final começa às 9 horas, com a disputa de 3º lugar entre Itajaí e Tubarão.

Pagina 1 de 190