Publicado em Geral
Escrito por

Jiu-jitsu e taekwondo compõem calendário em 2018

Em reunião na tarde desta terça-feira, o Conselho Estadual do Esporte (CED), decidiu pelo inclusão de duas modalidades no cronograma anual da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte). O taekwondo e o jiu-jitsu passam a integrar, em formato de apresentação, dois dos principais eventos da entidade.

O jiu-jitsu integrará o calendário dos Jogos Abertos de Santa Catarina, enquanto que o taekwondo estará presente nos Joguinhos Abertos de Santa Catarina. As duas modalidades serão em caráter de apresentação, quando participam pela primeira vez do cronograma dos jogos. Desta maneira, não pontuam para o quadro geral das competições. Depois de cumprir as instruções normativas do Conselho Estadual do Esporte, serão necessários mais dois anos, como modalidade provisória, para que possam permanecer de maneira definitiva no quadro. Entre as exigências do CED, está o mínimo da participação de oito municípios por evento. 

Para o diretor técnico da Fesporte, Dárcio de Saules, o acréscimo das modalidades tem importância para a representatividade no esporte catarinense. 

- Sabemos da importância dessas modalidades. Resolvemos oportunizar a entrada dessas modalidades que têm uma grande representatividade. O foco é abrir a possibilidade para as modalidades que conseguiram a ampliação de representatividade no estado para fazer parte da grade - comentou.

Publicado em Geral
Escrito por

Honrarias do esporte de SC são entregues em cerimônia na AL

A Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e o Conselho Estadual de Esporte (CED) entregaram a Comenda do Mérito Esportivo, na noite desta terça-feira (4). A cerimônia aconteceu no Auditório Antonieta de Barros, da Assembleia Legislativa. Os homenageados na edição de 2017 foram os esportistas José Augusto Carrillo, José Maria Nunes, Luiz Ernani Buerger, Marcelo da Silva Costa, Raul Ferrari e José Eduardo Nunes Souza (in memorian). Outro homenageado foi o jornalista Roberto Alves, que recebeu a Medalha de Gran Mérito do Esporte, a maior manifestação honrosa concedida a um esportista catarinense. 

Estiveram presentes, entre outras autoridades, o secretário de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, o presidente do Conselho Estadual de Esporte, Alexandre Monguilhott, e o presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Erivaldo Nunes Caetano Júnior, o Vadinho.

A comenda foi criada em 1994 para homenagear desportistas que contribuíram para escrever a história do esporte catarinense. Até a edição de 2016, foram 145 pessoas agraciadas com o título de comendadores do esporte e 16 entidades esportivas. Desde que foi instituída, em 2007, a honraria da Medalha de Gran Mérito do Esporte, foi recebida pelos ex-governadores Luiz Henrique da Silveira e Antônio Carlos Konder Reis, os ex-Secretários de Cultura, Esporte e Turismo Salomão Ribas Júnior, Gilmar Knaesel e César Souza Júnior, e os atletas Gustavo Kuerten, Tiago Splitter e Romeu Max Joerig. Roberto Alves, que já recebeu o título de comendador do esporte catarinense no ano 2000, a partir do dia 4, passará a fazer parte do seleto grupo de homenageados com a Medalha de Gran Mérito. Como entidade esportiva, foi homenageada também a Associação Joaçabense de Voleibol.

Outra honraria enregue ficou por conta do Tribunal de Justiça Desportiva. Trata-se da Medalha Marcílio César Ramos Krieger, instituída em 2011 para homenagear pessoas que prestaram relevante serviço à justiça desportiva catarinense. Guilherme Augusto Caputo Bastos, Tullo Cavalazzi Filho e Wanderlei Godoy Junior terão seus nomes unidos aos de outros sete profissionais do direito esportivo. A medalha tem o nome de um dos mais importantes juristas que atuaram no esporte. Marcílio Krieger, falecido em 2010, foi autor Código Brasileiro Disciplinar do Futebol Anotado e Legislação Complementar. Além disso, prestava consultoria sobre Direito Desportivo a clubes, atletas e sindicatos de atletas, além de rádios e jornais.

Publicado em Geral
Escrito por

Homenagens do esporte catarinense acontecem dia 4

A Secretaria de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e o Conselho Estadual de Esporte (CED) farão, na próxima segunda-feira (4), a entrega da Comenda do Mérito Esportivo. A cerimônia acontecerá no Auditório Antonieta de Barros, da Assembleia Legislativa, às 19 horas. Serão homenageados na edição de 2017 os esportistas José Augusto Carrillo, José Maria Nunes, Luiz Ernani Buerger, Marcelo da Silva Costa, Raul Ferrari e José Eduardo Nunes Souza (in memorian). Como entidade esportiva, a homenageada deste ano será a Associação Joaçabense de Voleibol.

A comenda foi criada em 1994 para homenagear desportistas que contribuíram para escrever a história do esporte catarinense. Até a edição de 2016, foram 145 pessoas agraciadas com o título de comendadores do esporte e 16 entidades esportivas. 

Outro homenageado será o jornalista Roberto Alves, que receberá a Medalha de Gran Mérito do Esporte, a maior manifestação honrosa concedida a um esportista catarinense. Desde que foi instituída, em 2007, a honraria foi recebida pelos ex-governadores Luiz Henrique da Silveira e Antônio Carlos Konder Reis, os ex-Secretários de Cultura, Esporte e Turismo Salomão Ribas Júnior, Gilmar Knaesel e César Souza Júnior, e os atletas Gustavo Kuerten, Tiago Splitter e Romeu Max Joerig. Roberto Alves, que já recebeu o título de comendador do esporte catarinense no ano 2000, a partir do dia 4, passará a fazer parte do seleto grupo de homenageados com a Medalha de Gran Mérito.

Outra honraria a ser entregue ficará por conta do Tribunal de Justiça Desportiva. Trata-se da Medalha Marcílio César Ramos Krieger, instituída em 2011 para homenagear pessoas que prestaram relevante serviço à justiça desportiva catarinense. Guilherme Augusto Caputo Bastos, Tullo Cavalazzi Filho e Wanderlei Godoy Junior terão seus nomes unidos aos de outros sete profissionais do direito esportivo. A medalha tem o nome de um dos mais importantes juristas que atuaram no esporte. Marcílio Krieger, falecido em 2010, foi autor Código Brasileiro Disciplinar do Futebol Anotado e Legislação Complementar. Além disso, prestava consultoria sobre Direito Desportivo a clubes, atletas e sindicatos de atletas, além de rádios e jornais.

 

Texto: Heron Queiroz

(48) 99635-9617 - 3665-6126

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Geral
Escrito por

Últimos dias para escolher finalistas

A votação popular para escolha dos finalistas do Troféu Gustavo Kuerten de Excelência no Esporte de 2017 segue até a próxima terça-feira, 21. Os três atletas mais votados pela Internet em cada categoria e outros dois nomes escolhidos pelo Conselho Estadual de Esporte formarão o elenco de cinco finalistas. 

Para votar, basta acessar o site www.trofeuguga.sc.gov.br e eleger um dos nomes indicados em cada categoria. No dia 28 de novembro, a curadoria do Troféu Gustavo Kuerten fará a escolha dos vencedores, que serão revelados na cerimônia de premiação, no mesmo dia, às 19h30, no Teatro Pedro Ivo, em Florianópolis.

Neste ano o número de indicações para o Troféu Gustavo Kuerten de Excelência no Esporte teve novo recorde, com 254 nomes. No ano passado foram 243 e 165 em 2015.

O prêmio é uma iniciativa da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) em parceria com o Instituto Guga Kuerten (IGK).

 

Categorias premiadas

Esta será a primeira edição do prêmio após a publicação do Decreto n° 1.221/2017 que atualizou as regras do Troféu Guga Kuerten e consolidou as 15 categorias que já vinham sendo premiadas desde 2013 por meio de Edital, são elas:

- atleta masculino

- atleta feminino

- atleta paradesportivo masculino

- atleta paradesportivo feminino

- atleta de futebol profissional

- atleta-revelação

- atleta-revelação paradesportivo

- entidade esportiva

- entidade paradesportiva

- técnico

- técnico do paradesporto

- equipe esportiva

- equipe paradesportiva

- árbitro

- árbitro do paradesporto.

Outras informações no site www.trofeuguga.sc.gov.br ou pelo telefone (48) 3665-7457 (Gepoe).

 

Ascom/SOL

Publicado em Geral
Escrito por

Melhor carateca do Brasil, Brose exibe medalhas

Considerado o maior carateca brasileiro na atualidade e um dos melhores do mundo, na categoria até 60kg, Douglas Brose cumpre uma agenda de muitas competições para se manter no topo do ranking mundial e chegar aos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. No retorno de uma série de viagens vitoriosas, Brose chegou à Florianópolis exibindo as medalhas que conquistou. 

Desde o início de setembro, o carateca e terceiro sargento do Exército Brasileiro cumpre com um calendário bastante intenso, que exige muita preparação e foco. Pela Liga Mundial, Brose conquistou prata em Halle, na Alemanha. O compromisso seguinte foi no Aberto de Budapeste, na Hungria, de onde Douglas trouxe ouro. De volta ao Brasil, ainda em setembro, mais duas medalhas de ouro: na Copa São Paulo, na capital paulista, e na Copa Nordeste, em Maceió. Logo embarcou para Salzburg, na Áustria, onde foi prata em mais uma etapa da Liga Mundial.

Apesar das conquistas, nem tudo foi positivo no saldo de 2017 para o atleta. Além do apoio do Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, Brose faz parte do programa Bolsa Atleta, do Governo Federal e recebe auxílio do Exército. Mas o que recebeu de patrocínio foi suficiente apenas para cumprir três das dez etapas da liga mundial, o que o fez cair do primeiro para o terceiro lugar no ranking. Em 2018, o Circuito Mundial pode chegar a 12 etapas.

“Meu aproveitamento está muito bom. Cheguei às finais de duas etapas mundiais das três que participei. Mas preciso participar de todas as etapas no ano que vem para me manter no topo e garantir a vaga para os Tóquio”, explicou o carateca.

Gaúcho de Cruz Alta, radicado em Florianópolis, onde mantém a base de treino, Douglas ainda tem na programação de 2017 os Jogos Abertos de Santa Catarina. “Depois disso, é só foco nos treinamentos para estar bem preparado para 2018”, completou ele.

 

Texto: Heron Queiroz

Publicado em Geral
Escrito por

Arte em grafite enriquece e dá vida à fachada da Fesporte

Quem passa a pé, de bicicleta, de carro ou de ônibus pela tradicional rua Santos Saraiva, no bairro Capoeiras, em Florianópolis, repara na mais nova obra de arte de Rodrigo Rizo. O artista plástico de 30 anos foi o encarregado de revitalizar a frente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte). O muro externo da sede da fundação foi renovado, e agora exibe retratos de atletas e paratletas nas mais diferentes ações e feições da prática esportiva. Em verde, vermelho e branco, a obra destaca as cores da Fesporte e do estado de Santa Catarina. 

As imagens e os esportes escolhidos evidenciam a expressividade das ações esportivas: desde um arremesso de basquete, passando por uma manchete de vôlei até o esforço de uma atleta de cadeira de rodas em busca da vitória. Segundo Rizo, a dificuldade do desenho se deve a escolha da técnica do realismo, feita toda com o spray a mão livre para retratar ao máximo o detalhamento dos atletas.

— Foi um grande desafio. É o painel de maior área que eu já pintei (175 m²). Tem também uma dificuldade extra pelo nível de detalhe das imagens selecionadas para representar as imagens esportivas — explica o paulistano.

Ao todo, foram quase dois meses de trabalho. Rizo começou a pintar no dia 26 de julho e terminou a obra no dia 15 de setembro. De acordo com o artista, a união entre a arte e o esporte tem o poder de transformador social.

— São duas ferramentas ideais pela possibilidade de transformar de pessoas e tirar elas do ócio, desde a infância até a vida adulta. Onde tem alguma pessoa praticando esporte ou fazendo a arte é uma pessoa a menos fazendo algo prejudicial para a sua saúde ou para a sociedade — conta.

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte

Renan Koerich

Antônio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

Tel: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 88027742

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

instagram - @fesportesc

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte adere à campanha Outubro Rosa

Como acontece todos os anos, funcionários da Fesporte aderiram à campanha Outubro Rosa, que alerta para importância da prevenção do câncer de mama. O objetivo da campanha é alertar para importância do exame preventivo.

 

O movimento Outubro Rosa começou a surgir no mundo em 1990 quando aconteceu a primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova Iorque, e desde então, promovida anualmente na cidade.

Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA) o câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama, que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos.

 

Para o Brasil, em 2017, são esperados mais de 57 mil casos novos de câncer de mama. Tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele , o câncer de mama responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Especificamente no Brasil, esse percentual é um pouco mais elevado e chega a 28,1%. Sem considerar os tumores de pele não melanoma, esse tipo de câncer é o mais frequente nas mulheres das Regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste.

 

Cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como:

 

Praticar atividade física regularmente;

 

Alimentar-se de forma saudável;

 

Manter o peso corporal adequado;

 

Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;

 

Amamentar

 

Fonte: Instituto Nacional do Câncer

Publicado em Geral
Escrito por

Técnica de basquete nos JEJ é convocada para a seleção brasileira

Técnica de basquetebol da Fundação Municipal de Desportos de Blumenau, Bruna Rodrigues, 24 anos, foi convocada pela Confederação Brasileira de Basquetebol (CBB) para o trio diretivo a seleção brasileira no Campeonato Sul-Americano de Basquetebol Sub-14, em Popayan, na Colômbia, de 1º a 5 de novembro. Ela estará ao lado de Fabiana Manfredi, auxiliando Vania Paulette, ambas de SP.

Bruna esteve na última semana em Curitiba, nos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), dirigindo a equipe de basquete de Santa Catarina, representada pelo Colégio Sagrada Família, de Blumenau. Em entrevista, ela destacou a importância JEJ como visibilidade no esporte de base. “Foi a primeira vez que participei dos Jogos Escolares nacionais, e para mim foi uma surpresa ser observada pela gerente de seleção da CBB, Adriana Santos. É fruto da dedicação e do trabalho de três anos voltado principalmente a postura das jogadoras e planejamento”, completou a técnica.

A notícia da convocação de Bruna Rodrigues foi levada diretamente pelos dirigentes da Fundação de Desportos de Blumenau, em visita nesta tarde à Fesporte.

Vadinho (centro) recebeu na Fesporte dirigentes da FMD de Blumenau, que elogiaram a participação de SC nos JEJ (Foto: Heron Queiroz/Fesporte)

“A convocação de Bruna Rodrigues, além vem coroar o trabalho desenvolvido por uma excelente profissional, é a representação da qualidade do esporte de base em Santa Catarina, que teve uma das mais marcantes participações na história dos Jogos Escolares da Juventude”, disse o presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano, o Vadinho.

 

Texto: Heron Queiroz

(48) 3665-6126 / 99635-9617

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

 

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

 

 

www.fesporte.sc.gov.br

 

https://www.facebook.com/fesporte

 

Publicado em Geral
Escrito por

Entrega da Comenda do Mérito Esportivo será em dezembro

A solenidade de entrega da Comenda do Mérito Esportivo e da medalha Marcílio Krieger de 2017 acontecerá no dia 4 de dezembro, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), em Florianópolis. A data e detalhes da homenagem foram definidos na manhã desta segunda-feira, 25, em reunião realizada pelo presidente do Conselho Estadual de Esportes (CED), Alexandre Monguilhott, com o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), Leonel Pavan, o presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Nunes, e o presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD/SC), Marcelo Silveira. Também participaram Marcelo Greuel, diretor administrativo da Fesporte, e Mário Bertoncini, procurador-geral do TJD-SC.

Neste ano, devido a restrições orçamentárias do Governo do Estado, o evento será realizado pela SOL e CED com apoio da iniciativa privada. “Conjuntamente decidimos que estabelecer uma parceria seria o melhor caminho para viabilizar esta ação e fazermos uma cerimônia à altura dos homenageados”, afirmou o secretário Pavan.

Serão agraciados com o título de Comendador do Esporte Catarinense 2017 José Maria Nunes, ex-técnico e ex-atleta de atletismo; José Antônio Carrilho, profissional de Educação Física e professor universitário; Raul Ferrari, ex-árbitro de futsal; Luiz Ernani Burger, técnico de basquetebol e dirigente esportivo; Marcelo Costa, o “Marcelão”, ex-integrante do CED, atual gestor da Federação Aquática Catarinense; José Eduardo Nunes de Souza, o “Zequinha”, in memorian, ex-presidente da Fesporte; e a Associação Joaçabense de Voleibol (AJOV).

O título de comendador é outorgado anualmente pelo CED a personalidades que se destacaram ou prestaram relevantes serviços ao esporte catarinense e nacional. Instituída em 1994, a comenda já foi entregue a 140 pessoas físicas e 16 instituições.

Detalhes da entrega dos prêmios foram definidos em reunião nesta segunda-feira                                 Foto: Molina Orval/SOL

A Medalha Marcílio Krieger de 2017 será conferida a Guilherme Augusto Caputo Bastos, ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST); Tullo Cavallazzi Filho, conselheiro federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e ex-presidente da OAB-SC; e Wanderley Godoy Jr., desembargador do Tribunal Regional do Trabalho – 12ª Região (TRT12).

A medalha Marcílio Krieger, que leva o nome da maior expressão do direito esportivo catarinense, é conferida pelo TJD de Santa Catarina. Marcílio Krieger, falecido em 2010, foi um dos principais nomes do direito esportivo brasileiro e referência nacional na área. Entre outras atividades, trabalhou como auditor no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e foi um dos autores do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD).

Carla Coloniese - Ascom/SOL

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

Tels: (48) 36656126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 988027742

 

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte parabeniza os profissionais de educação física pelo seu dia

Nesta sexta-feira (1), é celebrado nacionalmente o dia do profissional de educação física. A data serve como uma homenagem às conquistas e à importância desses profissionais, imprescindíveis para o desenvolvimento do esporte em qualquer lugar do mundo.

De maneira mais ampla, esses profissionais têm como principais funções organizar e orientar a atividade física de uma pessoa ou de um grupo. Segundo o estatuto do Conselho Regional de Educação Física (CREF-SC), cabe também a esses profissionais aliar essas práticas com ações que favoreçam o desenvolvimento da educação e da saúde, visando ao bem-estar e à qualidade de vida de quem pratica alguma atividade física.

Professores em escolas públicas e particulares, técnicos de equipes esportivas profissionais ou até mesmo instrutores de academias e clubes, esses são apenas alguns exemplos atuação de um profissional de educação física.

No vídeo, funcionários da Fesporte, com formação em Educação Física, falam deste importante profissional

— Não há como mensurar o tamanho da importância desse profissional. É na escola que se descobre os talentos e as aptidões das crianças, e o professor é o maior responsável por motivar esses jovens a se dedicarem às modalidades. Tudo começa na escola — explica Josélia Maranho, gerente de esporte de base e inclusão da Fesporte.

Inserido no quadro funcional da Fesporte, o profissional de educação física está presente desde a organização dos eventos esportivos (como Jasc, Joguinhos e Olesc) até a área técnica. De março a dezembro, competições escolares, de paradesporto, jogos para a terceira idade e eventos de dança envolvem a participação dos especialistas em educação física.

Amar e respeitar a profissão também é um pré-requisito para seguir essa carreira, explica Josélia: “O profissional que ama o que faz vai fazer o que é correto para o desenvolvimento de sua profissão, seja com as crianças, nas academias ou em órgãos gestores”.

 Texto: Nicolas Quadro

(48) 9 9696-3045

Assessoria de Comunicação - Fesporte

Renan Koerich

Antonio Prado

Heron Queiroz

Zenilda Stein

Nicolas Quadro

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte é um dos focos do Seminário de Gestão do Esporte

Realizado nesta quarta-feira (23), em Rio do Sul, o 1º Seminário de Gestão e Sustentabilidade do Esporte e do Lazer de Santa Catarina que reuniu cerca 200 pessoas de pelo menos 50 municípios do estado, entre atletas, dirigentes, conselheiros, técnicos, professores e estudantes da área. Dentro do cronograma, a Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) foi representada pelo presidente, Erivaldo Caetano Júnior, o diretor técnico, Dárcio de Saules e também o diretor administrativo, Marcelo Greuel. 

"Este evento surge para aproximar ainda mais nós, da secretaria e do governo estadual, da sociedade e dos protagonistas do esporte de Santa Catarina. Queremos ouvi-los e, dentro das nossas possibilidades, atendê-los da melhor forma, de maneira clara e transparente", disse o secretário Pavan na abertura do evento.

Durante o seminário, no Parque Universitário Norberto Frahm, na Unidavi, o secretário assinou o texto final do Plano Estadual de Esporte e Lazer que será encaminhado para a Assembleia Legislativa nos próximos dias. Com a sanção, Santa Catarina deve se tornar o primeiro estado brasileiro a ter uma diretriz do gênero. "Esta era uma demanda expressiva do segmento esportivo catarinense, mas estava com tramitação morosa desde 2014. Neste ano conseguimos acelerar o processo com a realização de várias reuniões e esperamos transformar o plano em lei até o final do ano", observou Pavan.

O seminário ainda contou com uma mesa redonda envolvendo Alexandre Beck Monguilhott, presidente do Conselho Estadual de Esporte; Mário César Bertoncini, procurador-geral do Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina; e Carla Krug, gerente de Projetos Esportivos da SOL. Também foram apresentados os resultados obtidos na pesquisa Suplemento de Esporte do IBGE; as estratégias da Fesporte para o segmento esportivo; e cases de eventos promovidos pela Fesporte, como os Jogos Abertos, Olimpíadas Escolares e Jogos da Terceira Idade.

O evento foi promovido pela SOL, em parceria com a Fesporte, Conselho Estadual de Esporte e Tribunal de Justiça Esportiva, além disso conta com o apoio da prefeitura de Rio do Sul, por meio da Fundação de Esportes, Universidade do Alto Vale do Itajaí (Unidavi) e Federação Catarinense de Municípios (Fecam).

Publicado em Geral
Escrito por

Rio do Sul recebe recursos para realizar a Olesc

O secretário de Estado de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, assinou nesta quarta-feira, 23, em Rio do Sul, durante a realização do 1º Seminário de Gestão e Sustentabilidade do Esporte e do Lazer de Santa Catarina, o contrato de apoio financeiro para o repasse de R$ 350 mil para a etapa estadual da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc). O presidente da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), Erivaldo Caetano Júnior, também esteve presente na cerimônia de assinatura.  

A Olesc ocorrerá de 7 a 14 e outubro em Rio do Sul e deverá reunir mais de 3 mil atletas na disputa de 14 modalidades: atletismo, basquete, ciclismo, futsal, ginástica artística, handebol, judô, caratê, natação, tênis, tênis de mesa, voleibol e xadrez. "Temos muito orgulho de sediar essa Olesc, após 10 anos sem um evento esportivo deste porte do Estado aqui no município", comemorou o prefeito José Thomé, que adiantou que o município se candidatará a receber outras competições da Fesporte.

O Seminário, realizado no Parque Universitário Norberto Frahm, na Unidavi, reuniu aproximadamente 200 pessoas, entre atletas, dirigentes, conselheiros, técnicos, professores e estudantes da área esportiva de cerca de 50 municípios do Estado. Foi promovido pela Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL), em parceria com a Fesporte, Conselho Estadual de Esporte e Tribunal de Justiça Esportiva, além disso conta com o apoio da prefeitura de Rio do Sul, por meio da Fundação de Esportes, Universidade do Alto Vale do Itajaí (Unidavi) e Federação Catarinense de Municípios (Fecam).

A Olesc é um evento do Governo do Estado, promovido pela Fesporte, em parceria com Agências de Desenvolvimento Regional e municípios-sede.

Pagina 1 de 24