Publicado em Joguinhos
Escrito por

Itajaí é bicampeã do tênis nos Joguinhos

O troféu do tênis feminino dos Joguinhos Abertos de SC vai para Itajaí pelo segundo ano consecutivo. O título foi comemorado na tarde desta quinta-feira, 27, nas quadras da academia Baú Sport Center, em Caçador, onde ocorre a 30ª edição dos jogos.

Assim como em 2016, a cidade do litoral ficou com o 1º lugar na modalidade. Desta vez a final foi contra Criciúma. Após empate em 1 a 1 nas partidas individuais, a decisão foi nas duplas com placar de 6/1 – 6/1 para Gabriela Azambuja e Ana Ruth.

“A expectativa era conquistar o bi campeonato e deu certo. Não foi fácil, mas acredito que nos momentos importantes conseguimos nos sobressair”, disse Gabriela.


No lugar mais alto do pódio, as meninas de Itajaí tiveram a companhia do técnico Clóvis Bueno. O 2º lugar ficou com Criciúma e o 3º com Blumenau.

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Dos Estados Unidos para os Joguinhos Abertos de SC

Atleta da Seleção Brasileira sub 17 e atualmente jogando nos EUA, criciumense Emanuely de Oliveira retornou para disputar os Joguinhos

Jogar basquete nos Estados Unidos é o que almeja qualquer atleta da modalidade. A criciumense Emanuely de Oliveira, 16 anos, vive esse sonho há cerca de 30 dias, quando foi observada por um olheiro em Criciúma e convidada a jogar na High Scholl Wasatch Academy, uma escola na cidade de Mount Pleasant, estado de Utah.

Como a temporada do basquete escolar norte americano começa apenas em novembro, Emanuely retornou para disputar os Joguinhos Abertos de Santa Catarina, em Caçador. Com passagens também por todas as seleções de base do Brasil, a jovem atleta é uma das esperanças de Criciúma para buscar o título da modalidade.

“Estou realizando um sonho de vida, quero me dedicar bastante para chegar na WNBA e fazer parte da seleção brasileira. Quem sabe jogar uma Olimpíada”, acredita Emanuely, garantindo que até o próximo sábado o foco está todo nos Joguinhos Abertos. “No ano passado ficamos em 3º lugar e esse ano queremos o título”, acrescenta.

Além de Emanuely, Criciúma conta no elenco com Mariana Zanelato, 17 anos, que também está nos Estados Unidos. Para a técnica, Luana Minotto, a presença da dupla torna a equipe mais competitiva. “Elas evoluíram muito nos Estados Unidos. Em apenas 30 dias já é possível notar uma diferença significativa, principalmente no jogo individual, na precisão dos arremessos. Nosso time fica mais forte com elas”, avalia.

Mas para chegar à decisão Criciúma não terá vida fácil. Na semifinal a cidade do Sul do estado vai enfrentar a equipe atual campeã dos Joguinhos, Jaraguá do Sul, que também conta com uma jogadora da seleção brasileira sub 17, Júlia Schmauch. O confronto será nesta sexta-feira, 14, às 15h, no ginásio da escola Pierina.

Adversário de Criciúma na semi, Jaraguá do Sul também conta com uma atleta da Seleção Brasileira sub 17

A outra semifinal será entre Itajaí e Campos Novos, às 13h30 no mesmo local.

Murilo Roso - Assessoria de Comunicação ADR Caçador
(49) 8814 0731

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado
Heron Queiroz
Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126 // 36656127 // 36656128
Cel: (48) 8802 7742
www.fesporte.sc.gov.br
https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Seis finais e Criciúma vice geral marcam o 6º dia de Joguinhos

A agenda será cheia no penúltimo dia dos 29ᵒˢ Joguinhos Abertos de Santa Catarina, em Caçador. Nesta sexta-feira, 14, serão finalizadas cinco modalidades coletivas (três no masculino e dois no feminino) e o ciclismo, que contará com duas provas, uma de manhã e outra à tarde. Além disso, teremos as estreias do Judô, já com medalhas, e da Ginástica Rítmica.

O primeiro troféu de campeão do dia sai no futsal feminino com a final entre Chapecó e Balneário Camboriú que começa às 10h15. Ainda pela manhã, Jaraguá do Sul e Concórdia disputam a final do voleibol masculino, a partir das 11h. O ciclismo terá a primeira premiação do dia com a prova contrarrelógio, às 9h, porém o troféu de campeão geral da modalidade só será entregue ao fim do bicicross, às 15h.

No período da tarde, Chapecó e Joinville fazem a final do futebol feminino às 15h15. Em seguida, às 16h30, os atletas de São José e Criciúma entram em quadra para a final do handebol. O basquete masculino encerra a entrega de troféus do dia às 18h com o confronto entre Joinville e Concórdia.

O judô, que estreia nesta sexta-feira, terá premiação individual prevista para às 11h e às 17h. A modalidade se encerra no sábado com a competição entre equipes, assim como a ginástica rítmica que também inicia hoje.

Criciúma assume o segundo lugar geral

A vitória de Criciúma no tênis masculino, nesta quinta-feira, 13, foi histórica e colocou a cidade no segundo lugar do quadro de pontuação dos Joguinhos. Além de conquistarem pela primeira vez a modalidade, os criciumenses chegaram aos 53 pontos, oito a mais que Blumenau. Joinville foi vice no tênis e continua na liderança chegando aos 75 pontos.

Vale destacar que o tênis feminino, vencido por Itajaí na última terça-feira, 11, não conta para a pontuação geral devido ao número de equipes inscritas.

Texto: Lucas Inácio

Telefone: (48) 8426-5095

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Criciúma é ouro no tênis dos Joguinhos pela primeira vez

O tênis de Criciúma conquistou seu primeiro título nos Joguinhos Abertos de Santa Catarina, nesta quinta-feira, 13. A equipe masculina venceu Joinville na série melhor de três por 2 a 1 e garantiu o troféu dourado da competição em Caçador. Florianópolis ficou com o bronze e completou o pódio.

Criciúma já havia se destacado por ter quebrado a hegemonia de Itajaí e Joinville, finalistas das últimas quatro edições do torneio. Além disso, o município não era finalista da modalidade desde 1991, um feito tão comemorado que rendeu um banho no técnico Rodrigo Canuto. “Nós temos um projeto social com cerca de 60 crianças carentes e a equipe de rendimento. Sempre tentávamos chegar, mas os adversários eram muito fortes como Florianópolis, Itajaí e Joinville, porém nesse ano a equipe estava muito focada e o título inédito veio coroar o trabalho”.

Seis atletas fizeram parte do elenco campeão, com destaque para a dupla Igor São Thiago e Matheus Comunello que participaram dos três jogos da final. Para Igor, a conquista teve um gosto especial já que foram seus últimos Joguinhos Abertos. “Desde o começo eu falei para todos que seriam os Joguinhos mais especiais, desde o primeiro dia todo mundo me apoiando e nenhum senti pressão, foi o torneio perfeito”.

Atualmente, ele é o 93º no ranking da Confederação Brasileira de Tênis (CBT), sendo o segundo melhor catarinense ranqueado com 18 anos ou menos. A experiência do parceiro ajudou Matheus (275º) a se recuperar da derrota na segunda partida e voltar para o título. “Realmente foi difícil, não consegui fazer meu jogo, mas aí tive quinze minutos para me recuperar e foi o suficiente, pois sabia que esse era o momento de dar a volta por cima”.

Final emocionante

Na primeira partida de simples, Igor São Thiago venceu Matheus Trevisan Rezende por 2 sets a 0. Na segunda, Matheus Comunello perdeu para Luiz Gustavo Hartkopf também por 2 a 0, resultado que levou a disputa ao terceiro jogo.

Os mesmos quatro atletas formaram as duplas da final com Joinville precisando da vitória para forçar um novo confronto na manhã desta sexta-feira. Eles venceram o primeiro set e abriram 3 games a 1 no segundo, mas tênis sempre há espaço para reação e foi o que aconteceu. A dupla de Criciúma reagiu, forçou o terceiro set e conseguiu a virada do título.

Após a cerimônia de premiação, foi a vez da homenagem a um companheiro da equipe que machucou o quadril no meio do ano e passou por duas cirurgias. Que o título ajude o Henrique para voltar ainda mais forte para as quadras.

Texto: Lucas Inácio

Telefone: (48) 8426-5095

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Atleta de Guaraciaba é um dos destaques dos Joguinhos 2016

Você sabia que recentemente duas catarinenses foram campeãs do sul-americano sub18 com a seleção brasileira de vôlei? Não? Uma delas é a nossa Atleta da Vez de hoje!

Daniela Seibt, de 16 anos, natural de Guaraciaba, vem brilhando nos Joguinhos Abertos de Santa Catarina representando sua cidade natal, onde desenvolveu e aprimorou seu voleibol, sendo comandada pelo técnico Evelton Bóllico, que foi quem descobriu seu talento para o esporte.

Descoberta à aproximadamente quatro anos, a central da seleção brasileira sub18, é dona de um currículo invejável. Daniela, em 2013, foi campeã estadual mirim e campeã do Festival Internacional Cidade de Estrela. Em 2014 foi campeã estadual, brasileira e vice-campeã do sul-americano dos Jogos Escolares. Em 2015 foi campeã estadual infantil e quarta colocada no Campeonato Brasileiro de Seleções pela seleção catarinense. Já em 2016 realizou um fato inédito na sua vida: foi campeã com a seleção brasileira sub-18 no Peru.

Atualmente seu maior foco é poder ajudar sempre a sua equipe da melhor forma, fazendo o possível e o impossível para mantê-los no lugar mais alto do pódio. Sempre foi muito apoiada pela família e amigos, mas principalmente pelo seu pai, que nunca a deixa abaixar a cabeça e sempre a motiva a nunca desistir, apesar das dificuldades financeiras, sempre seguiram em frente.

Daniela Admite que é difícil conciliar os estudos e a vida particular com o esporte de alto rendimento, por não ter muito tempo disponível, então aproveita o tempo livre que tem para ficar perto da família, já que passa a maior parte do tempo fora de casa.

Ela também contou o que a motivou a buscar a vida de atleta e o que sentiu vestindo a camisa da seleção brasileira: "Sempre gostei de esporte desde criança, e a medida que eu fui evoluindo e alguns momentos foram chegando, fui me apegando mais a esse esporte viciante que hoje faz minha felicidade. Nunca pensei em chegar onde cheguei e me sinto muito feliz por essas realizações.

Já sobre a seleção brasileira ela é enfática: “Não tenho palavras suficientes para explicar o que senti vestindo aquela camisa, a emoção da vitória e a sensação de dever cumprido por ter representado uma nação, foi realmente espetacular." concluiu.

Texto: Gustavo Marques

 

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Atletas se adaptam às dificuldades para disputar vôlei de praia

Jaraguá do Sul e Joinville, no norte do Estado, não têm praia, mas em se tratando de vôlei de praia nos Joguinhos Abertos de Santa Catarina, cuja modalidade iniciou na tarde desta quinta-feira, 13,em Caçador, as duplas destes dois municípios no masculino e feminino tiveram que se adaptar para vencer na competição.

Os jaraguaenses Gustavo e João Vitor venceram na estreia por 2 a 0 a dupla  Ariel e Gustavo, de Navegantes, com parciais de 21/15 e 21/10. Já as meninas de Joinville, Júlia e Letícia, tiveram mais dificuldade para passar pela dupla de Itajaí Luana e Luísie: 2 a 1. Começaram perdendo o primeiro set por21/18, mas depois viraram para 21/16 e no set desempate venceram por 15/12.

Quadra de areia construída

Para compensar a falta de praia a Fundação de Esportes de Jaraguá do Sul e a Academia Energia e Saúde (Arsepum) firmaram parceria e construíram uma quadra de areia, onde Gustavo e João treinam.

“Treinar e jogar onde não tem praia é fácil. O difícil é jogar na própria praia, onde tem vento e areia nos olhos”, revela Gustavo. Mas, para disputar os Joguinhos, Gustavo e João tiveram que fazer mais uma adaptação, pois dias antes da competição, seus parceiros foram contratados por outros municípios.  João Vitor tinha parceria com Joshua, que disputa os Joguinhos por Balneário Camboriú, e Gustavo jogava com João Pinheiro, que agora representa Pomerode.

“Tivemos que nos adaptar, pois nas duplas anteriores jogávamos nas mesmas posições, mas, nosso jogo tá fluindo. Já temos todas as jogadas na cabeça agora é pô-las em pratica até porque já temos certa experiência, afinal jogamos vôlei de praia há três anos”, revela João Vitor.

João Vitor e Gustavo, de Jaraguá do Sul, firmaram parceria dias antes dos Joguinhos (Foto: Antonio Prado/Fesporte)

Adaptação foi o processo em que passaram também as meninas de Joinville para galgar voos maiores. Júlia e Letícia eram jogadoras de quadra e acalentando o sonho de participar dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), aceitaram o convite de sua professora Vanda para mudar para areia. Ficaram em quarto lugar na etapa regional Leste-Norte dos Jesc em Presidente Getúlio recentemente. Elas dizem que estão apenas há três meses na nova modalidade e por isso ainda estão se adaptando.

“Tudo é diferente da quadra para a areia. O jogo é mais rápido e o fator entrosamento e confiança contam bastante”, admite  Letícia. O vôlei de praia dos Joguinhos começou nesta quinta-feira e vai até sábado, 15. No masculino 13 duplas disputam o troféu de campeão e no feminino são 12.

Ginástica e judô estreiam

Nesta sexta-feira, 14, penúltimo dia de competição, estreiam a ginástica rítmica e o judô. Finalizam o ciclismo, além do masculino do basquete handebol e voleibol. No feminino encerra o futebol e o futsal.

Até o inicio da tarde de quinta-feira Joinville lidera na pontuação geral dos Joguinhos com 67 pontos, seguido de Blumenau, em segundo, com 44, e Criciúma na terceira colocação geral com 40 pontos.

Os Joguinhos Abertos são promovidos pelo Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a Prefeitura local e a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Caçador.

Texto Antonio Prado

(48) 8802-7742

Assessoria de Comunicação Fesporte

Antônio Prado

Heron Queiroz

 

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Kemelli: o diamante cobiçado

Com apenas 17 anos, Kemilli Trugilho já tem uma vida de plena dedicação ao futsal e ao futebol e experiência que a deixa na condição de estudar todas as propostas que têm chegado de clubes nacionais e estrangeiros.

Kemelli chegou na terça-feira (11) da Jordânia, onde atuou como goleira titular da seleção brasileira na Copa do Mundo de Futebol Feminino Sub-17, depois da eliminação em decorrência da derrota para a Inglaterra, por 2 a 1, num jogo bastante equilibrado, e já está atuando em Caçador, defendendo Criciúma nos Joguinhos.

Ela conta que nasceu em Petrópolis (RJ) e veio para Concórdia aos três anos de idade, iniciando as atividades de futsal, modalidade pela qual se confessa apaixonada. Dois anos depois, foi para Criciúma, passando a disputar futsal e futebol nos Joguinhos Abertos. A primeira convocação para a seleção aconteceu em novembro de 2014, e nesta última, ela passou a ter em seu currículo a participação num mundial.

A atleta, que atua pela FME Criciúma/Rogacionista/Esucri, diz não poder revelar os clubes nacionais interessados. Conta apenas que há outras propostas como de universidades dos Estados Unidos. Segundo ela, a decisão caberá aos pais juntamente com o empresário, embora não negue que, apesar da paixão pelo futsal e do amor ao País, o futebol no exterior pode lhe dar a visibilidade que não tem no Brasil e a experiência que fará ainda mais lapidado esse novo diamante do futebol feminino.

Texto: Heron Queiroz

 

Assessoria de Comunicação Fesporte

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

5º dia de Joguinhos tem tênis e vôlei de praia como destaques

O início do torneio do vôlei de praia é uma das atrações desta quinta-feira, 13 de outubro, nos Joguinhos Abertos de Santa Catarina. Além disso temos possível encerramento do tênis masculino, as primeiras medalhas do tênis de mesa e as semifinais de cinco modalidades coletivas.

O tênis masculino pode ser definido nesta quinta-feira, caso Criciúma vença a final. A equipe do Sul do estado já é finalista e aguarda os vencedores do confronto da manhã entre Joinville e Florianópolis para saber seu adversário. Caso Criciúma perca no confronto desta tarde, os finalistas se enfrentam novamente sexta-feira.

Já a estreia do vôlei de praia, que seria de manhã, foi adiada para a tarde devido às fortes chuvas em Caçador. As partidas nas quadras do Parque Central José Adami começam às 14h.

Outro destaque é o tênis de mesa, competição que terá a entrega das primeiras medalhas para as duplas duplas. Teríamos também ciclismo da categoria BMX, mas por conta das fortes chuvas, a prova foi adiada para esta sexta-feira às 15h, encerrando o ciclismo dos Joguinhos 2016.

Nos esportes coletivos, teremos semifinais em cinco modalidades. No masculino são três: basquete (a partir das 16h30), handebol (à partir das 15h) e voleibol (à partir das 9h30). No feminino, o futsal (à partir das 9h) e o futebol (à partir das 14h).

Joinville na liderança

Sem entrega de troféus no feriado desta quarta-feira, 12, a pontuação continua a mesma com Joinville liderando por 67 pontos, seguida por Blumenau com 44 e Criciúma com 40.

Os Joguinhos Abertos são promovidos pelo Governo do Estado, realizados pela Fesporte, em parceria com o Município de Caçador e Agência de Desenvolvimento Regional de Caçador.

Texto: Lucas Inácio

Telefone: (48) 8426-5095

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Criciúma vence prova de estrada e lidera o ciclismo

Nem a forte chuva que caiu sobre Caçador no final da tarde desta quarta-feira, 12, diminuiu o ímpeto de Criciúma na segunda prova do ciclismo, a de estrada, dos Joguinhos Abertos de Santa Catariana. De ponta a ponta, os ciclistas do município, Kelvin Batista e Leonardo Finkler, se alternaram na primeira posição das 20 voltas do circuito no centro da cidade, perfazendo 60 quilômetros.

Clique aqui e veja as fotos da prova

Mas, nos metros finais da competição, em comum acordo entre os dois atletas, Kelvin cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, com o tempo de 1h34min52s, seguido de Leonardo com 1h34min53s. A terceira colocação ficou com Dalton Assis, também de Criciúma, com o tempo de 1h36min51s.

“Estou muito feliz com esta minha vitória e deu tudo certo. Montamos a estratégia de atacar com três atletas e logo na primeira volta conseguimos a fuga entre os demais ciclistas, mas devo admitir que a prova foi dura, pois a chuva dificultou ainda mais nosso desempenho e valorizou a vitória”, disse o campeão Kelvin.

Kelvin Batista (capacete amarelo) venceu a prova de 60 km (Foto: Antonio Prado/Fesporte) 

Natural de São Paulo, o ciclista tem no currículo 15 títulos de campeonatos brasileiros, incluindo provas no velódromo e de estrada. É tricampeão da 1º de Maio, prova clássica de São Paulo, e tricampeão paulista de estrada.

“Disputar uma competição como os Joguinhos é algo maravilhoso. Em São Paulo não há provas como os Joguinhos, só no adulto, por isso na nossa idade não temos muitas oportunidades.  Por isso Santa Catarina está de parabéns”, destacou Kelvin, de 18 anos. A prova de estrada dos Joguinhos contou com a participação de 24 ciclistas sendo que 13 terminaram a competição.

Agora, depois de dois dias de competição, após vencer as provas de cross-country, na terça-feira, e a de estrada, Criciúma lidera na pontuação geral com 69 pontos, seguido de Chapecó, em segundo lugar com12, e Joinville em terceiro com oito pontos. Nesta quinta-feira, 13, a modalidade continua com a prova de BMX no município de Videira. Na sexta a modalidade se encerra com o contra-relógio individual.

O ciclismo começou nos Joguinhos em 1997 e Criciúma tem no total 11 títulos, os dez últimos de forma consecutiva.

Os Joguinhos Abertos são promovidos pelo Governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com a Prefeitura local e a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Caçador.

Texto Antonio Prado

(48) 8802-7742

Assessoria de Comunicação Fesporte

Antônio Prado

Heron Queiroz

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Premiados os vencedores do xadrez blitz e rápido

Foi realizado, no início da tarde desta quarta-feira (12), o cerimonial de premiação das provas individuais (blitz e rápido) do xadrez dos 29os Joguinhos Abertos de Santa Catarina. São seis tabuleiros para cada prova e gênero (masculino ou feminino), somando-se assim 24 atos de premiação envolvendo 72 medalhas.

Os resultados das provas não se somam à pontuação do evento, mas xadrez blitz e o rápido têm relevância para o desenvolvimento da modalidade. “São provas que possibilitam a valorização do enxadrista cuja equipe representa um município que não tenha destaque na modalidade”, explica o árbitro internacional Carlos Calleros, da Federação Catarinense de Xadrez.

Conforme regulamento dos Joguinhos Abertos o blitz, ou relâmpago, compreende partidas com 3 minutos de tempo e acréscimo de 2 segundos por lance. Já no rápido, as partidas têm o tempo de 15 minutos, com mais 5 segundos de acréscimo por lance. “Por serem mais técnicas, elevam o nível das competições de xadrez”, destaca Calleros.

O xadrez segue em Caçador com a prova convencional (xadrez pensante) até sábado (15 ), último dia do evento.

Os Joguinhos Abertos são promovidos pelo Governo do Estado e realizados por intermédio da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte).Esta 29º edição tem a parceria da Prefeitura de Caçador e Agência de Desenvolvimento Regional de Caçador.

Texto: Heron Queiroz

Assessoria de Comunicação Fesporte

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

As Danis de SC, da seleção e dos Joguinhos Abertos

O ano de 2016 foi importante para duas xarás que disputam o vôlei feminino dos Joguinhos Abertos de Santa Catarina. Daniela Seibt e Daniela Cechetto participaram da campanha vencedora da seleção brasileira sub-18 que disputou o Sul-Americano no Peru, em agosto. Agora elas representam os municípios de Guaraciaba e Rio do Sul, respectivamente, no Ginásio de Esportes da Sociedade Caçadorense das Bochas.

A atleta Guaraciaba foi uma das destaques do Brasil no torneio continental, onde foi eleita a melhor central. “Eu não imaginava chegar aonde eu cheguei, ir lá, ser titular, conquistar o título do campeonato e ainda como melhor da posição é muito gratificante.”

Para integrar o grupo que foi ao Sul-Americano, as Danis passaram por um período de treino de três meses, onde foram selecionadas 14 atletas. “Tem muita pressão para saber ‘será que eu vou ser cortada’, mas, cara, é o sonho de qualquer pessoa que trabalha na base é poder estar ali representando o país em um campeonato importante como o sul-americano”, conta Cechetto.

Cechetto compete os Joguinhos por Rio do Sul

A seletiva deve se repetir no próximo ano para o mundial da categoria, na Argentina, e Cechetto, que é natural de Nova Trento, quer repetir os passos de uma conterrânea da mesma posição. Em 2015, a oposta Rosamaria Montibeller foi campeã mundial sub-23 com a seleção e prata no Pan de Toronto.

Quatro anos antes, ela conquistou o título dos Joguinhos Abertos com Nova Trento, que também foi realizado em Caçador. Agora é a vez das Danis tentarem repetir o feito de Rosamaria em um dos torneios mais equilibrados dos Joguinhos. No máximo, só uma delas conseguirá.

Texto: Lucas Inácio

Telefone: (48) 8426-5095

Assessoria de Comunicação Fesporte   

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Joguinhos
Escrito por

Itajaí garante ouro no tênis feminino dos Joguinhos

O último jogo do tênis dos Joguinhos Abertos de Santa Catarina, envolvendo Blumenau e Joinville, vencido por 2 sets a 0 pela equipe do Vale, serviu apenas para cumprir tabela. Itajaí já havia garantido o título depois de vencer a mesma equipe de Joinville (6-2 e 7-6). Blumenau e Criciúma aparecem na sequência com prata e bronze respectivamente. 

Desde 2011, quando os Joguinhos também tiveram como sede a cidade de Caçador, Itajaí não conquistava título no tênis feminino. Segundo o técnico Narciso Barbosa, nos últimos anos houve uma diminuição na demanda pela prática do tênis feminino, o que justifica a queda de aproveitamento nos eventos. “O município tem feito um bom trabalho de fomento, que fez o tênis voltar a crescer. Esperamos conseguir ampliar nossa base de tênis”, completou Barbosa.

O técnico de Blumenau, Paulo Passold, destacou que a baixa procura pela prática do tênis é uma realidade de vários municípios e de outros estados também. Ele atribui aos custos de um trabalho contínuo. “Começar a praticar tênis é fácil, difícil é manter a continuidade de trabalho com os custos para participar de competições, apesar do investimento dos municípios. Mas estamos no caminho para voltar a ter bons grupos de atletas”.

Já o tênis masculino pode ser definido até a próxima quinta-feira (13) ou no dia seguinte, dependendo do resultado dos confrontos, uma vez que há bastante equilíbrio entre as equipes.

Os Joguinhos Abertos têm a promoção do Governo do Estado e são realizados pela Fesporte, em parceria com a Prefeitura e Agência de Desenvolvimento Regional de Caçador.

Texto: Heron Queiroz

Assessoria de Comunicação Fesporte

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Pagina 1 de 18