Publicado em Geral
Escrito por

Inventário Esportivo cadastra mais de 5 mil instalações

Projeto de Inventariação de Instalações Esportivas em Santa Catarina fecha 2020 com 5.173 instalações esportivas cadastradas.

Lançado pela Fesporte no início de 2020, o projeto ganhou força a partir de outubro com a ação direta dos coordenadores esportivos em suas respectivas regiões, levando a uma cobertura total dos municípios catarinenses e praticamente dobrando o número de praças esportivas cadastradas.

Esta ação, pioneira no país, permitirá mapear todos os locais de competições esportivas e obter um panorama das condições das instalações, facilitando o planejamento de eventos em cidades catarinenses.

Todos os formulários podem ser acessados no site oficial da Fesporte (clique aqui para acessar). As informações coletadas por intermédio dos formulários são georreferenciadas no mapa digital, que ficará disponível ao público pelo Google Maps. Atualmente, 2.794 instalações estão no sistema de georreferenciamento.

Segundo a gerente de Políticas Públicas e Projetos Esportivos, Aline Floss, “a metodologia proposta foi justamente pensada pela facilidade de atualização das informações. Vivemos em uma sociedade que se transforma diariamente, e, o mesmo ocorre com nossos espaços esportivos”. A gerente estima que, apesar do processo moroso para alimentar o sistema, dado à quantidade e variedade de dados, o acesso ao mapa digital estará acessível ao público o mais breve possível.

Os formulários permanecerão abertos para continuidade do projeto em 2021.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte deseja um Feliz Natal! Feliz Ano Novo!

O ano de 2020 se encerra. Ao invés do gol, do ponto, do grito de campeão, do abraço, do choro, da medalha, do pódio... o silêncio.

Nada foi mais triste que o silêncio do esporte na quadra por conta de uma pandemia. Entretanto, mais forte que o silêncio foi à disposição da Fesporte de continuar trabalhando pelo esporte. Se não foi na quadra foi fora dela: planejando, formulando calendário, auxiliando município com melhorias em estrutura esportiva, promovendo curso de qualificação profissional, realizando eventos on-line, distribuindo material esportivo, enfim, uma série de ações voltadas para o fortalecimento do esporte catarinense.

Agora o Natal e Ano Novo se aproximam. É tempo de reflexão. A parada forçada nos fez perceber ainda com mais intensidade a força e os benefícios do esporte em nossas vidas. Ele socializa indivíduos das mais diferentes classes, fortalece amizades, cria vínculos. No esporte dividimos tristezas e alegrias, fazemos amigos.

Que este Natal seja o ponto de partida para um Ano Novo melhor. E 2021 será melhor. Que neste novo ano os nossos sonhos sejam tão grandes quanto a vontade de realizá-los. Que seja tempo de quebrar barreiras, lutar pelo que se acredita e concretizar.

Feliz Natal!

Feliz Ano Novo

São os votos da Fesporte 

 

Publicado em Moleque
Escrito por

‘Olheiros’ de clubes profissionais no Moleque

Em 2021 a edição do Campeonato Catarinense Escolar de Futebol, Moleque Bom de Bola, terá duas novidades que agradaram em cheio a comunidade esportiva. A primeira será a extensão de uma nova faixa etária de idade: até 17 anos. A outra será a inclusão de forma oficial de olheiros de clubes do futebol profissional, que observarão atentamente a competição. A ideia é o aproveitamento dos destaques do Moleque pelos clubes catarinenses.

E foi justamente para formatar uma parceria com este objetivo que o presidente da Fesporte, Rui Godinho, esteve nesta segunda-feira, 21, em visita à sede da Federação Catarinense de Futebol (FCF) em Balneário Camboriú. Rubens Renato Angelotti, presidente da FCF, elogiou a iniciativa da Fesporte e disse que fará a ponte com os clubes para que a parceria renda frutos. “Agora está faltando apenas a parte formal entre a federação e a Fesporte para que possamos começar essa ação que beneficiará o futebol catarinense”, destacou Angelotti.

Ao longo de seus 29 anos de existência o Moleque Bom de Bola já revelou alguns craques como Felipe Luiz, do Flamengo e ex-seleção brasileira, e Marquinhos, do Avaí. A etapa estadual da competição em 2021 será de 7 a 12 de outubro em Luiz Alves.

Segundo Rui Godinho essa parceria com a FCF e os clubes catarinenses elevará o Moleque Bom de Bola a um outro patamar: “Com o olheiro do clube profissional participando efetivamente do evento ao garimpar talento para seu clube o garoto do Moleque terá uma chance real, de no futuro, se tornar um jogador profissional, que é o sonho de todos eles e isso nos deixa bastante feliz”, finaliza.

Texto: Adriana Ramos/Antonio Prado

Ascom Fesporte

 

Publicado em Geral
Escrito por

21 de dezembro: Dia do atleta

A Fesporte acredita no atleta antes dele saber que é atleta. Pra muitos apenas um adolescente passando dos limites, pra Fesporte, um futuro atleta.

 

21 de dezembro - Dia do atleta

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte faz levantamento de danos em instalações esportivas

Com as fortes chuvas desde a última quarta-feira (16), que provocaram enxurradas em diversas cidades catarinenses, sobretudo no Alto Vale do Itajaí, deixando muito estrago e pessoas desabrigadas, a Fesporte está realizando dois levantamentos por meio de questionários on-line. Um deles trata dos danos causados pelo mau tempo a instalações esportivas; o outro, das condições de uso das instalações para abrigar famílias.

O projeto envolve apenas instalações esportivas de gestão pública danificadas pela intempérie ocorrida na última semana. O programa de levantamento da Fesporte permitirá buscar parcerias com outras instituições, de forma a buscar recursos para recuperar o que foi danificado ou ainda para adaptar às condições adequadas para servirem de abrigos.

O prazo de envio do formulário está previsto até o dia 4 de janeiro. Para envio, a entidade gestora da instalação esportiva deverá acessar os seguintes links:

Para registrar danos (clique aqui)

Para registrar espaços para acolher desabrigados (clique aqui)

O projeto é coordenado pela Gerência de Políticas Públicas e Projetos Esportivos da Fesporte, a qual está disponível para mais informações por intermédio do e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou do telefone (48) 98802-6938.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Geral
Escrito por

Dia de relembrar a 1ª vez de troféus e medalhas com braille

Em 2019 a Fesporte inovou com o sistema braille nas medalhas e troféus, o que permitiu mais acessibilidade para os atletas com deficiência visual. A ação foi bastante elogiada pela comunidade esportiva. 

Essa novidade teve início nas etapas Sul e Centro-Oeste da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), que ocorreram simultaneamente nas cidades de Tubarão e Ibirama em agosto. Naquele ano a Fesporte já havia inovado com a implantação do pódio adaptado para atletas com deficiência nos Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) em julho, em Maravilha.

 Detalhe da medalha com o sistema braille usada na etapa Centro-Oeste da Olesc em Ibirama em 2019 (Foto: Antonio Prado/Fesporte)

Publicado em Dança Catarina
Escrito por

Videira sediará etapa regional do Festival Dança Catarina 2021

Durante a visita do presidente da Fesporte Rui Godinho e sua equipe a Videira, no dia 10 de dezembro, para a realização da vistoria técnica visando os Joguinhos Abertos de Santa Catarina do ano que vem, ficou definido com o prefeito Dorival Carlos Borga a realização de uma etapa regional do Festival Escolar Dança Catarina em 2021 com data ainda a ser definido pelos organizadores.

Segundo o prefeito o município já é parceiro da Fesporte na realização de muitos eventos como os Jogos Escolares de Santa Catarina 15 a 17 anos, em 2018, e a Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) em 2019, que pretende sediar o festival de dança por ser um evento qualificado na comunidade esportiva e no calendário das grandes competições estaduais.

Godinho, por sua vez, elogiou a iniciativa, dizendo-se feliz por encampar mais uma ação de destaque no calendário de eventos da Fesporte com o auxílio de Videira.

O Festival Dança Catarina é considerado o maior evento de dança escolar do Brasil e estará em sua vigésima primeira edição.  Tem como principais objetivos fomentar a dança na escola e salvaguardar a educação integral da criança e adolescente na construção de sua cidadania.

A Fesporte, por meio do projeto, além de promover a dança nas escolas, promove cursos com conteúdos técnicos, artísticos e educacionais aos professores da categoria e neste processo, também são mapeados os profissionais que trabalham com a dança escolar, tudo sem custos para os professores e dançarinos. 

Texto: Antonio Prado

Ascom/Fesporte

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte e Sest/Senat visam a parcerias em projetos esportivos

Em visita à sede do Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat), em Florianópolis, dirigentes buscam parcerias para realização de projetos na área de esporte de participação.

O Diretor de Esporte da Fesporte, Marcelo Brigadeiro, e o Gerente de Esporte de Participação, Israel Luiz Pereira, estiveram nesta segunda-feira, 14, na sede do Sest/Senat, onde além, de conhecerem a instituição, em sua estrutura física e funções, puderam também tratar com a Diretora Patrícia Costa Ferreira, o Coordenador de Promoção Social, Sidnei da Costa, e a Promotora de Esporte de Lazer, Licelli Cardoso, possíveis parcerias.

“Este foi apenas um primeiro passo para estabelecer uma importante parceria com o Sest/Senat para novos projetos socioesportivos”, destacou Brigadeiro. Em breve, a Fesporte receberá projetos para análise e possível parceria para execução.

 

Pagina 1 de 433