Publicado em Jesc15-17
Escrito por

Medalhistas são recebidos pelo Governo de SC

Por Júlio Castro

Cerca de 30 atletas catarinenses, entre medalhistas e participantes dos Jogos Escolares da Juventude (JEJs) e da Paralimpíada Escolar, foram recebidos na tarde de quinta-feira , dia 13, no gabinete do governador Eduardo Pinho Moreira. A comitiva liderada pela presidente da Fesporte professora Natália Lúcia Petry foi recepcionada pelo comandante de gabinete, o ex-secretário Miguel Ximenes que justificou a ausência do governador devido a problemas familiares. 

Nos JEJs, disputado em Natal/RN e a Paralimpíada, em São Paulo, no período de 12 a 26 de novembro, Santa Catarina esteve representada por 400 atletas nas modalidades coletivas e individuais. No uso da palavra, durante o encontro no Centro Administrativo, Natália Lúcia Petry destacou o esforço e dedicação dos atletas em busca de medalhas e fez um agradecimento especial ao governo do Estado pelo apoio dispensado à participação catarinense nas competições nacionais. 

“Fomos vice-campeões na Paralimpíada e nos Jogos Escolares ficamos entre as três principais forças do esporte amador brasileiro. Isso nos enche de muito orgulho e satisfação para sempre buscar voos mais altos. E quando falo em orgulho, reforço nosso sentimento de gratidão ao esforço que o Estado, na pessoal do Governador Eduardo Pinho Moreira, tem dispensada para o fomento do esporte em todas as regiões de Santa Catarina”, comentou Natália Petry. 

“Todos são merecedores dos nossos parabéns. Fica aqui a nossa torcida para que, em nome do governo, essa participação cresça cada vez mais e, sempre, com muitas conquistas”, comentou o comandante de gabinete Miguel Ximenes.  Na Paralimpíada, a delegação catarinense de 108 atletas conquistou 92 medalhas, sendo 45 de ouro, 26 de prata e 23 de bronze, perdendo apenas para São Paulo entre os todos os estados da Federação participantes. Nos Jogos Escolares, foram 72 medalhas, sendo 13 de ouro, 37 de prata e 22 de bronze.

Publicado em Jesc12-14
Escrito por

Brasil se destaca em Arequipa com 44 catarinenses

Texto: Heron Queiroz

 

Catarinenses que integraram a delegação brasileira nos Jogos Sul-Americanos Escolares, em Areripa, Peru, chegaram a Santa Catarina no último domingo, depois de contribuir para o excelente desempenho brasileiro.

Entre 1º a 8 de dezembro, 10 modalidades foram disputadas: atletismo, atletismo DI (para deficientes intelectuais), natação, basquete, tênis de mesa, vôlei, xadrez, futsal, handebol e judô, disputadas por delegações de 12 países.

Ao todo, foram 85 medalhas conquistadas  (40 de ouro, 27 de prata e 18 de bronze). Só os catarinenses conquistaram um ouro (futsal masculino), duas pratas (futsal feminino e vôlei masculino) e um bronze (vôlei feminino). Além disso, o Brasil foi campeão no atletismo, natação, judô, tênis de mesa e xadrez. Agora só aguarda a homologação de campeão geral da competição.

Dentre os 165 atletas de 12 a 14 anos que compuseram a delegação brasileira, num total de 214 integrantes, envolvendo técnicos, delegados, dirigentes a equipe médica, 44 são atletas catarinenses, além de cinco técnicos.

 

Confira a lista dos participantes catarinenses

 

Atletismo

Juan Anding (arremesso do peso e lançamento do disco) - Colégio Elias Moreira, Joinville

Lucas F. Wasch (arremesso do peso e lançamento do disco), Colégio Elias Moreira, Joinville

Lucas G. F. Antunes (75m rasos e 250m rasos) - Colégio Santa Terezinha, Florianópolis

Marcus V. Machado (salto em distância e 75m rasos) - Escola Dom Pio Freitas, Joiville

Margit Weise (técnica)

 

Xadrez

Eduardo A. Peroza - Colégio Carlos Drummond de Andrade, Fraiburgo

 

Natação

Lucca Cruz Tonin - Assoc. Educacional Luterana Bom Jesus, Joinville

 

Voleibol masculino

(Escola Municipal Erwin Prade, Timbó)

Bernardo A. T. Alfredo

Carlos Eduardo Beck

Davi F. Germano

Guilherme S. Cabral

Juan Carlos M. dos Santos

Jürgen M. P. Maas

Leonardo W. Luckmann

Lucas M. Moratelli

Nícolas C. Nardelli

Pedro Marcon Gonçalves 

Wagner R. Marschner (técnico)

 

Voleibol feminino

(EEB Rodrigues Alves, Saudades)

Nicolle Kroth

Fernanda Calegari

Evelyn Lauermann

Heloisa Simon

Mariana A. dos Santos

Júlia Soares

Alessandra Engler

Stefany C. Diel

Bianca Hoss

Thaila B. Krath

Márcio Rauber (técnico)

 

Futsal masculino 

(Centro Educacional Recriarte, Camboriú)

Guilherme M. G. dos Santos

Kauã B. da S. Costa

Everton V. A. dos Santos

Emanuel E. P. Fonseca

Gustavo T. S. da Silva

Bruno G. dos S. Rosendo

Augusto dos S. Ferreira

Lukas S. dos Santos

Richard G. dos Santos

Gustavo de P. Mendes

Gilvan M. Meireles (técnico)

 

Futsal feminino

(Colégio Rogacionista, Criciúma)

Ana Júlia S. da Rocha

Letícia de Macedo

Gislaine G. Vitorette

Tainá R. Porfírio

Tainá J. Lopes

Nathiely dos S. Borges

Gabrielly L. F. dos Santos

Maria Eduarda R. Teixeira

Ivens F. G. de Almeida (técnico)

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Geral
Escrito por

Fesporte atendeu mais de 291 mil atletas em 2018

Por Antonio Prado

Funcionários e Integradores educacionais participaram da festa de confraternização da Fesporte, realizada nesta quarta-feira,  12, na sede da entidade, em Florianópolis. Antes da festa, porém, a gerências da Fesporte, bem como as diretorias de administração e de esporte apresentaram um balanço das ações em 2018.

No total, contabilizando todos os eventos do calendário anual da Fesporte, a instituição contemplou 291.821 atletas em eventos como Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), Joguinhos Abertos de Santa Catarina, Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), Jogos Abertos da Terceira Idade (Jasti), Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc), Olimpíada das Apaes,  Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) 12 a 14 anos e 15 a 17 anos, Festival Escolar Dança Catarina e Campeonato Catarinense Escolar de Futebol – Moleque Bom de Bola.

O ano de 2018 também foi especial na comunicação da Fesporte. O Facebook oficial da instituição, que conta hoje com 38.130 seguidores, teve um aumento de 4.301 novos fãs. As 107 transmissões ao vivo em eventos como Jasc, Parajasc, Moleque bom de Bola e Olesc corresponderam a mais de 170 horas no ar com uma audiência de mais de 737 mil webespectadores. Durante do todo o ano foram 53.452 publicações (entre notícias, fotos e vídeos no site e nas redes sociais) o que alavancou um alcance de  quase 4 milhões de pessoas.

Foram produzidas no ano 50.098 fotos que foram compartilhas no Flickr e página do Facebook, totalizando atualmente 96.677 imagens. De agosto até dezembro, foram criadas mais de 400 peças publicitárias referentes aos eventos da Fesporte. 

Funcionários da Fesporte e integradores educacionais após balanço das ações de 2018 (Foto: divulgação Fesporte)

A cerimônia teve a participação do Secretário de Turismo, Cultura e Esporte Tufi Michreff Neto. A presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, agradeceu o empenho de todos os funcionários da Fesporte e os integradores educacionais, que segundo ela foram determinantes para um ano de sucesso. Natália agradeceu também a confiança do governador Eduardo Pinho a ela depositada durante o período em que ela esteve na presidência da Fesporte.

 Na ocasião, além do balanço das ações, foi apresentado o calendário da Fesporte para o ano de 2019, que ainda será homologado pelo Conselho Estadual de Esporte. 

Para a presidente da Fesporte, professora Natália  Lúcia Petry,  ano de 2018 foi bastante positivo,  pois conseguiu realizar com sucesso o calendário e ainda implantar algumas ações como Fesporte Social, que na Olesc,  possibilitou a doação de brinquedos  ao Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e ao  Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de Indaial e Timbó.

Natalia lembrou também que o ano de 2018 foi de consolidação de Santa Catarina como um estado de referência no esporte escolar, em que conquistou 72 medalhas nos Jogos Escolares da Juventude, em Natal (RN), e também no Paradesporto, em que Santa Catarina participou das Paralimpíadas Escolares em São Paulo, fechando a competição com 94 medalhas.

“Por tudo isso Santa Catarina continua sendo um estado referência para instituições como o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB)“, destacou a presidente. 

Apesar da confraternização a Fesporte funcionará normalmente até do dia 28 de dezembro.

CONFIRA OS EVENTOS DA FESPORTE EM 2018 EM NÚMEROS

EVENTOS DE RENDIMENTO

Jasc, Olesc, Joguinhos

Total de atletas atendidos em todas as etapas: 32.667

EVENTOS DE PARTICIPAÇÃO

Jasti, Parajasc, Parajesc e Olimpíada das Apaes

Total de atletas atendidos em todas as etapas: 10.859

EVENTOS DE ESPORTES DE BASE E INCLUSÃO

Jesc 12/14, Jesc 15/17, Parajesc, Moleque Bom de Bola e Dança Catarina: 248.295

TOTAL DE ATLETAS ATENDIDOS: 291.821

Publicado em Geral
Escrito por

Inscrições para sediar Parajesc, Parajasc Jesc e vão até dia 17

Por Heron Queiroz

A diretoria da Fesporte anunciou nesta tarde de quarta-feira (12) o prazo estabelecido até segunda (17) para inscrição a sede dos Jogos Escolares de Santa Catarina para estudantes de 15 a 17 anos (Jesc 15-17), Jogos Abertos Paradesportivos (Parajasc) e Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc).

Os Municípios interessados deverão formalizar a solicitação à Fesporte, que dará encaminhamento dos pedidos ao Conselhos Estadual de Esporte (CED), cuja reunião para homologação das sedes acontecerá na terça (18).

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte 

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Blumenau vence a Olesc pela quarta vez

Edenilson Leandro, especial para a Fesporte

Depois de nove dias intensos de competições em 14 modalidades, foi encerrada neste sábado (8) a 18ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense, que teve como sedes as cidades de Indaial e Timbó, no médio Vale do Itajaí. A entrega do troféu de campeão geral da Olesc 2018 para Blumenau fechou a programação no ginásio da Associação dos Servidores Municipais, em Timbó. 

Blumenau reconquistou o título da Olesc ao somar 119 pontos. Em segundo lugar ficou Joinville, com 103. E em terceiro, Itajaí, com 98. No quadro de troféus, Itajaí foi quem mais conquistou o primeiro lugar em modalidades - cinco vezes. No quadro de medalhas, a liderança ficou com Blumenau, com 28 de ouro, 29 de prata e 21 de bronze. 

Líder da Olesc 2018 do início ao fim, Blumenau conquistou seu quarto título geral. Os outros vieram em 2007, 2012 e 2013. O maior campeão da Olesc é Joinville, com nove títulos. No ano que vem, a fase estadual da Olesc será realizada em Videira. 

O coordenador da Olesc, Maurício Scharf, destaca o número de participantes da competição. "Foram 9.284 atletas e 202 cidades inscritas desde as fases classificatórias microrregionais. Deste conjunto, 85 cidades e cerca de quatro mil atletas estiveram na fase estadual em Indaial e Timbó. Alcançamos o objetivo de contemplar esta faixa etária com uma competição de nível", diz.

O nível técnico da Olesc é considerado muito bom. "É um campeonato de alto rendimento, entre equipes com regime de treinamento. Em algumas modalidades, quatro/cinco times chegam com possibilidades de conquistar o troféu", analisa Maurício. "As cidades de Indaial e Timbó se desdobraram para atender ao evento, tivemos ginásios em condições e a programação sem problemas. O balanço é altamente positivo", conclui.

Em 2019, Indaial e Timbó voltam a ser sedes de evento da Fesporte. Juntamente com Pomerode, vão sediar a fase estadual dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc).

"Tivemos uma boa experiência com a Olesc, sem nenhum contratempo nos locais de competição, e isso é valioso para nós", destaca o secretário de Esportes de Indaial, Ademir Packer. "A Olesc nos ajuda a entender a logística de um evento estadual. Os Jasc são maiores e esta experiência que tivemos vai ajudar no próximo planejamento", diz Márcio Elísio, presidente da Fundação Municipal de Esportes de Timbó.

A presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry, agradeceu os esforços de Indaial e Timbó e todos os envolvidos para o sucesso da Olesc, que fecha o calendário do órgão. "A Olesc terminou com êxito. Concluímos nosso calendário esportivo. Estou muito satisfeita, principalmente por termos cumprido nossa missão esportiva de 2018", avalia.

A Olesc 2018 é uma promoção do governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com as prefeituras de Timbó e Indaial.


Classificação final da Olesc 2018

1º Blumenau - 119 pontos
2º Joinville - 103 pontos
3º Itajaí - 98 pontos
4º Florianópolis - 71 pontos
5º São Bento do Sul - 56 pontos
6º Jaraguá do Sul - 56 pontos
7º Tubarão - 51 pontos
8º Criciúma - 37 pontos
9º Brusque - 31 pontos
10º Chapecó - 30 pontos

 


O quadro de campeões por modalidades na Olesc 2018 ficou assim:

Atletismo
Tubarão (masculino)
Joinville (feminino)

Basquete
Blumenau (feminino)
Joinville (masculino)

Caratê
Blumenau (masculino)
Blumenau (feminino)

Ciclismo
Jaraguá do Sul

Futsal
Concórdia (feminino)
Chapecó (masculino)

Ginástica artística
São Bento do Sul (masculino)
Florianópolis (feminino)

Ginástica rítmica
Brusque

Handebol
Itajaí (masculino)
Palma Sola (feminino)

Judô
Itajaí (masculino)
Itajaí (feminino)

Natação
Itajaí (masculino)
Tubarão (feminino)

Tênis
Joinville (masculino)
Itajaí (feminino)

Tênis de mesa
Joaçaba (masculino)
Joinville (feminino)

Vôlei
Brusque (masculino)
Guaraciaba (feminino)

Xadrez
Lebon Régis (masculino)
Florianópolis (feminino)

Todos os campeões da Olesc
2001 - Jaraguá do Sul
2002 - Jaraguá do Sul
2003 - Joinville
2004 - Joinville
2005 - Joinville
2006 - Joinville
2007 - Blumenau
2008 - Joinville
2009 - Fase estadual cancelada*
2010 - Joinville
2011 - Criciúma
2012 - Blumenau
2013 - Blumenau
2014 - Criciúma
2015 - Joinville
2016 - Joinville
2017 - Joinville
2018 - Blumenau

 

*Marcada para Tubarão, a fase estadual da Olesc de 2009 foi cancelada por causa da gripe A. Como as demais fases (microrregionais e regionais) foram realizadas, a Olesc de 2009 é contabilizada, por isso são 18 edições.

Publicado em Olesc
Escrito por

Em dia decisivo, conheça os últimos campeões da Olesc 2018

Edenilson Leandro, especial para a Fesporte 

O último dia de competições da Olesc 2018 definiu nove campeões de modalidades neste sábado (8) - e consagrou Blumenau o campeão geral, com 119 pontos (contra 103 de Joinville). A festa do pódio começou pelo handebol feminino, com a conquista de Palma Sola. A equipe do Oeste catarinense derrotou Blumenau na final por 24 a 19. A medalha de bronze foi para Itajaí, ao vencer Tubarão por 16 a 14.

Joinville foi campeão do basquete masculino. Na decisão, superou Rio do Sul por 79 a 68. O terceiro lugar ficou com Criciúma. Venceu Florianópolis por 62 a 58. No futsal masculino, Chapecó conquistou o título na prorrogação. No tempo normal, empatou com São Bento por 3 a 3. No tempo extra, marcou três vezes e fechou a final em 6 a 3. Na disputa de terceiro lugar, Jaraguá venceu Criciúma por 3 a 1.

No vôlei feminino, Guaraciaba venceu Jaraguá do Sul por 3 a 1 e levantou o troféu de campeão. A medalha de bronze ficou com Balneário Camboriú, ao ganhar de Blumenau por 3 a 1. O tênis de mesa masculino teve Joaçaba em primeiro, São Bento em segundo e Joinville em terceiro. No feminino, Joinville em primeiro, São Bento em segundo e Chapecó em terceiro.

No judô, deu dobradinha de Itajaí. Venceu o masculino com 63 pontos, seguido de Blumenau (43) e São Bento (38). No feminino, Itajaí somou 52, Joinville teve 36 e Florianópolis 32. A ginástica rítmica foi a última competição a ser encerrada. O título de campeã ficou com Brusque. Blumenau foi segundo lugar. Em terceiro, Chapecó. A Olesc 2018 é uma promoção do governo de Santa Catarina, por intermédio da Fesporte, em parceria com as prefeituras de Timbó e Indaial.


 

Publicado em Olesc
Escrito por

Projeto Fesporte Social doa brinquedos durante a Olesc

Por Antonio Prado

Integrantes da Fesporte, por meio do Projeto Fesporte Social, entregaram a  representantes de Indaial e Timbó, nesta sexta-feira, 7, em Indaial, durante a Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), dezenas de brinquedos para serem distribuídos à famílias de baixa renda atendidas pelos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) dos dois municípios.

A doação dos brinquedos faz parte da ação Natal Solidário, instituída pela Fesporte recentemente. A doação teve a participação de funcionários da Fesporte, técnicos, dirigentes e atletas que participam da Olesc. A iniciativa do Natal Solidário na Olesc partiu da Assessoria de Comunicação da Fesporte, que levou a ideia para a presidência da instituição com a participação da diretoria de esportes. 

“Agradeço a Fesporte pela iniciativa. Muitas crianças de nossa cidade ficarão felizes neste natal com esta iniciativa”, disse Ademir Packer, secretário de esportes de Indaial.

Representantes de Indaial, Timbó e Fesporte durante cerimônia de entrega de brinquedos (Foto: Antonio Prado)

“Aproveitar a Olesc para fazer esta iniciativa foi um momento oportuno, pois estamos aproveitando um evento que se organiza próximo ao natal para doar presentes para crianças mais necessitadas”, destacou Márcio Elisio, presidente da Fundação de Esporte de Timbó.

“Queremos fazer mais ações desta natureza nos eventos da Fesporte, pois o esporte é um canal importante não somente para a integração social das pessoas, mas também poder ser um instrumento de solidariedade. E doar brinquedos para pessoas de baixa renda é um ato solidário”, destaca a presidente da Fesporte, professora Natália Lúcia Petry.

O ato de entrega de brinquedos teve a participação de Ademir Packer, Márcio Elisio, além dos representantes das Fesporte Jeferson Ramos Batista, diretor de Esporte; e Mauricio Scharf, coordenador geral da Olesc.

 

Publicado em Olesc
Escrito por

Itajaí a um passo de conquistar o título do judô

Por Antonio Prado

A sexta-feira, 7, penúltimo dia de disputas do judô da Olesc, foi marcada pela liderança incontestável de Itajaí no masculino e feminino. Entretanto, somente após as lutas por equipe neste sábado, é que serão definidos os campeões gerais da modalidade.

Itajaí lidera no masculino com 55 pontos, seguido de Blumenau, com 38, e Florianópolis, em terceiro lugar com 27 pontos.

Entre as mulheres Itajaí está com 39 pontos e Joinville, vem logo em seguida, em segundo lugar com 28 pontos. e Florianópolis fecha em terceiro lugar com 25 pontos.

Entre as medalhas de ouro do dia dos itajaienses destaque para Pietro Trindade, que venceu por ipon na final a Igor Nascimento, de Blumenau, na categoria menos 64 quilos.

A itajaiense Maria Beatriz foi ouro a derrotar por um wazari a Midian Oliveira, de Florianópolis. “É meu primeiro ano de Olesc e já levar uma medalha de ouro é muito gratificante”, comemorou Maria Beatriz.

“Essa medalha de ouro foi muito importante para o meu crescimento de meu judô e tive a felicidade de vencer todas as minhas cinco lutas, quatro por ippon” admitiu o campeão Pietro.

 

 

Pagina 1 de 342