×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 328

Quinta, 22 Outubro 2015 15:55

Bolão: o esporte que aproxima gerações Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(2 votos)
Bolão: o esporte que aproxima gerações Carla Coloniese/SOL

Piratuba - Além da torcida mais animada, o Bolão 23 feminino promoveu um encontro de gerações na etapa regional-oeste dos Jogos Abertos da Santa Catarina, realizada em Piratuba. A modalidade recebeu inscrições de atletas com idades que variaram dos 15 aos 80 anos.

A estudante Eduarda Egger Koch herdou dos pais o gosto pelo esporte. Com 15 anos, ajudou o time da casa a conquistar o ouro na modalidade e classificar a equipe para a fase Estadual dos Jasc. Na equipe, divide espaço com a mãe, Naira Eggers (39). “Ela me levava junto nos jogos e fui aprendendo, então começar a jogar aconteceu naturalmente”, conta a jovem.

Edite Funkler, 68 anos, é a mais “madura” do time. Com mais de 30 anos de experiência nas pistas, ela comemora mais uma medalha para a coleção. “O bolão é a minha paixão e o grupo é muito unido, é muito bom participar”, revela. Edite também iniciou no esporte por influência do pai. “Está no sangue”, resume.

Na classificação final da etapa regional-oeste, Piratuba ficou em 1º lugar, com 1.370 pinos na rodada final e Chapecó, vice-campeã, fez 1.342. As competições da modalidade terminaram na noite desta quarta-feira (21), no Ginásio Pedro Ivo Campos.

 

Texto: Carla Coloniese - SOL

Lido 1983 vezes