Segunda, 19 Dezembro 2016 22:44

Talentos catarinenses do xadrez passam pela Olesc Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(1 Voto)
Thiago Dobuchak desde cedo coleciona títulos importantes Thiago Dobuchak desde cedo coleciona títulos importantes Foto: Heron Queiroz/Fesporte

Para os que acompanham com frequência o esporte de Santa Catarina, não é novidade que eventos da Fesporte são reveladores em potencial de atletas. No xadrez, uma das grandes revelações foi a do joinvilense Alexandr Fier, que obteve o título de Grande Mestre Internacional, em 2006. Muitos jovens enxadristas catarinenses têm buscado seguir os passos do ídolo.

Uma das promessas que disputam a Olesc em Caçador é o blumenauense Thiago Dobuchak, de 16 anos, que, em sua primeira participação nos Jogos Escolares da Juventude de 15 a 17 anos (JEJs-15 a 17), este ano, em João Pessoa, PB, conquistou a medalha de ouro na modalidade convencional. Além deste título, o atleta tem ainda na carreira cinco títulos nacionais de diversas competições nos anos de 2008, 2011, 2012 e 2013. Além disso, foi sete vezes campeão catarinense, participou de três mundiais e foi duas vezes medalha de prata no sul-americano (2012 e 2014). Nesta edição da Olesc, Thiago já conquistou ouro no xadrez rápido e prata no blitz.

Para Thiago, a Olesc é importante porque reúne os principais atletas do estado na categoria. “A competição é fundamental para o desenvolvimento do atleta porque proporciona ter de desenvolver-se tecnicamente, já que o bom nível de uns exige que os adversários se preparem mais”, completou o enxadrista.

No feminino, a içarense Ana Júlia Librelato, 15 anos, é um dos grandes talentos que disputam também a Olesc. Sua primeira participação na competição foi em 2011, mesmo ano em que começou a jogar. Irmã da sexta colocada no ranking nacional, Kathie Librelato, Ana Júlia classificou-se para os JEJs-12 a 14 (2015), em Fortaleza (CE), ao vencer os Jogos Escolares de Santa Catarina de 12 a 14 anos (Jesc-12 a 14). Em 2016, já foi campeã do Festival Catarinense da Juventude, e espera encerrar o ano com a tríplice conquista na Olesc, já que foi ouro no rápido e no blitz, realizados no primeiro dia da competição, e espera vencer no modo convencional, que se encerrará na quarta-feira, 21.

 

Ana Júlia Librelato chegou para ficar entre as melhores    Foto: Heron Queiroz

Ana Júlia destacou a importância da Olesc. “É uma das poucas competições disputadas também em equipe. É uma oportunidade para os atletas que estão começando e para os que já competem há mais tempo. Isso ajuda bastante no desenvolvimento dos atletas”, concluiu ela.

Texto: Heron Queiroz - (48) 3665-6126 - e-mail:    O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Assessoria de Comunicação - Fesporte  

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 88027742

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Lido 628 vezes Última modificação em Segunda, 19 Dezembro 2016 23:10

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.