Prado

Por Antonio Prado

O presidente da Fesporte, Rui Godinho, participou nesta segunda-feira, 14, da cerimônia de lançamento do Campeonato Catarinense de Futebol,  Série A 2019, no auditório da seção catarinense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC), em Florianópolis.

A solenidade foi destinada a 150 convidados, entre dirigentes, autoridades e jornalistas e foi uma realização da Federação Catarinense de Futebol (FCF) e da Associação de Clubes de Futebol Profissional de Santa Catarina (SCCLUBES) e contou com o apoio da OAB/SC.

Juntamente com o presidente da Fesporte participaram dirigentes da FCF, SCCLUBES,  OAB e representantes dos 10 clubes que disputarão a Série A 2019 (Avaí, Atlético Tubarão, Brusque, Chapecoense, Criciúma, Figueirense, Hercílio Luz, Joinville, Marcílio Dias e Metropolitano), patrocinadores do campeonato e autoridades ligadas ao futebol profissional de Santa Catarina.

A primeira rodada do campeonato será na quarta-feira, dia 16,  entre Brusque x Joinville (19h) e Tubarão x Hercílio Luz (21h).

O campeonato será disputado em turno e returno, por pontos corridos. Os primeiros colocados ao final das 18 rodadas disputam as semifinais (no dia 14 de abril) e, os vencedores, a decisão da competição, no dia 21 de abril.

“A Federação Catarinense de Futebol é uma grande instituição, que organiza o  Campeonato Catarinense de Futebol, e este campeonato já faz parte da cultura do nosso estado. A Fesporte também promove cerca de 10 eventos esportivos que são consagrados pela comunidade esportiva como Jasc e Moleque Bom de Bola. Então é sempre importante vivenciarmos momentos significativos como este aqui na OAB, ao lado de grandes esportistas no nosso estado”, destacou o presidente da Fesporte, Rui Godinho.

 

Por Antonio Prado

O novo presidente da Fesporte, Rui Godinho da Mota, que foi empossado pelo governador Carlos Moisés, dia 3,  teve uma primeira reunião com funcionários da instituição na sede da entidade, na tarde de sexta-feira, dia 4, ocasião em que apresentou sua equipe de trabalho. Godinho disse que um dos diferenciais de sua administração é fazer com que a Fesporte fomente o esporte como instrumento de inclusão social.

“Para isso pretendemos fazer parcerias com entidades que já promovam ações esportivas de forma filantrópicas. Com nosso auxílio a ideia é abranger mais pessoas que queiram praticar esporte e não têm oportunidades”, ressaltou. Godinho destacou também que fará ações para trazer crianças e adolescentes sem oportunidades a conhecerem e a praticar algum esporte na sede da Fesporte.

“No grupo da Fesporte há vários profissionais de diversas modalidades. Por que não trazer crianças para praticar ou conhecer uma modalidade na sede da entidade tendo um instrutor capacitado? Essa é nossa intenção também”, enfatiza o novo presidente.

Rui Godinho destacou ainda que pretende manter parceria com a iniciativa privada para auxiliar o orçamento dos eventos do calendário oficial da Fesporte e também das ações em parcerias com instituições filantrópicas. Também no leque das inovações futuras há ideia de implementar novas modalidades como skate, surf e vôlei de praia os chamados jogos de verão.

Quem é Rui Godinho

Além de professor e faixa preta de jiu-jitsu, modalidade que pratica desde os 12 anos de idade, Rui Godinho é graduado em Direito e História e é pós-graduado em Direito Penal e Segurança Pública.  Lecionou na rede de ensino pública e privada nas cidades de Gaspar, Blumenau e Indaial no ensino fundamental, médio e educação de jovens e adultos. Também atuou nas seguintes funções: investigador de polícia; comissário de polícia e agente de polícia.

Da diretoria anterior da Fesporte permanecem Josélia Maranho (Gerência de esporte de Base e inclusão), Luciano Heck (Gerência de esporte de rendimento), Luiz Bezerra (Gerência de esporte de participação), Marcelo Santos (Gerência de administração, finanças e contabilidade), Renan  Pirath (Consultoria jurídica) e Júlio Castro (Assessoria de comunicação). A nova equipe da Fesporte será composta por Suellen Lara dos Santos (Assistência da presidência), Fabrício Correa (Diretoria administrativa), Carlos Eduardo Jacobowsky (Gerência de apoio operacional) Vadecir da Silva (Gerência de planejamento e controle) e Alexandre Rodrigues Badotti (Diretoria de esportes).

 

Aproveitando o clima de final de ano, convidamos os atletas, durante a Olesc em Indaial e Timbó, para enviar mensagens positivas em alusão ao Natal e ao ano novo. Clique e veja como ficou o vídeo da moçada.

 

 Abaixo nossa versão final do vídeo de fim de ano do time Fesporte. Aqui integradores educacionais, colaboradores e funcionários da Fesporte. Todos juntos deram sua contribuição para que nossos eventos esportivos fossem sucessos em 2018. Obrigado e um ótimo 2019.

Por Antonio Prado

O Conselho Estadual de Esporte homologou, nesta terça-feira, 18, as três últimas sedes estaduais que faltavam para fechar o calendário oficial da Fesporte para o ano de 2019. A etapa estadual dos Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc) será realizada em Maravilha, no período de 4 a 7 de julho. Já os Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) serão entre os dias 7 a 13 de outubro em Caçador. Os Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) de 15 a 17 anos serão realizados em São Miguel do Oeste entre os dias 14 a 16 de junho. 

“Fechar o calendário com todas as sedes estaduais antes de finalizar o ano sempre foi um compromisso da presidente da Fesporte Natália Petry. Isso mostra organização e respeito aos municípios que terão tempo hábil para fechar também seus calendários de eventos”, destaca o diretor administrativo da Fesporte Marcos Daniel.

"Finalizar e organizar o calendário foi um trabalho de equipe que contou com a participação e o esforço de todos os integrantes do time Fesporte, que inclui a diretoria de esporte e as gerências de esportes de rendimento, gerência de esportes de base e inclusão, gerência de esporte de participação, enfim, cada servidor deu sua contribuição para que esse calendário fosse concluído em um tempo hábil. Não esquecendo, é claro, o diálogo franco que tivemos com os municípios", destaca Jéferson Ramos Batista, diretor de esporte da Fesporte.

Confira o calendário 2019

MAIO

12º JASTI- Etapa Estadual – Gaspar – 19 a 24

JUNHO

11º JESC 15 a 17 anos - Etapa Estadual – São Miguel do Oeste

Modalidades Individuais - 14 a 16

Modalidades coletivas - 18 a 22

JULHO

10º PARAJESC- Etapa Estadual – Maravilha - 04 a 07

31º Joguinhos Abertos de Santa Catarina - Etapa Estadual – Rio do Sul - 19 a 27

AGOSTO

37º JESC 12 a 14 anos - Etapa Estadual - Curitibanos

Modalidades Individuais 02 a 04

Modalidades Coletivas - 06 a 10

SETEMBRO

Jogos Escolares da Juventude - JEJ´s - Etapa Regional - 02 a 06

19ª OLESC - Etapa Estadual – Videira - 12 a 21

20º Festival Escolar de Dança - Etapa Regional Oeste - Itá - 27 e 28

OUTUBRO

20º Festival Escolar de Dança - Etapa Regional Leste Norte - 4 e 5

15º PARAJASC -  Etapa Estadual – Caçador - 14 a 20

20º Festival Escolar Dança Catarina - Etapa Regional Centro Oeste - 18 e 19

20º Festival Escolar Dança Catarina - Etapa Regional Sul - 25 e 26

28º– Moleque Bom de Bola - Etapa Estadual – Antônio Carlos - 29/10 a 03/11

 NOVEMBRO

Jogos Escolares da Juventude - JEJ´s - Etapa Nacional -  16 a 30

59º JASC - Etapa Estadual - Indaial/Timbó/Pomerode - 07 a 17

Paralímpiadas Escolares - Etapa Nacional – São Paulo/SP - 18 a 23

DEZEMBRO

20º Festival Escolar de Dança - Noite de Gala - 6 e 7

 

Por Antonio Prado

A gerente de esporte de base e inclusão da Fesporte, Josélia Teixeira, esteve recentemente no Rio de Janeiro, na sede do Comitê Olímpico do Brasil (COB), para uma avaliação dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), ocorridos em novembro em Natal. 

A reunião, organizada pelo COB, contou com a participação dos representantes estaduais, gestores escolares e representantes das confederações das modalidades disputadas nos JEJ. A competição continua dividida em duas faixas etárias: 12 a 14 anos e 15 a 17 anos em uma só sede.

No encontro houve discussão sobre regulamento e ajustes no novo formato para melhorar a participação dos estados no evento. Para a edição 2019 o COB estabeleceu algumas mudanças, principalmente no sistema de disputa. 

A gerente de esporte de base e inclusão da Fesporte, Josélia Teixeira, na reunião do COB (Foto: Divulgação)

Agora as modalidades coletivas serão compostas por três chaves com quatro equipes. Classificam-se para a próxima fase o primeiro lugar e o melhor segundo lugar entre as três chaves. As demais equipes jogam entre si para a definição de classificação geral entre 5º ao 12º lugar.

Segundo Josélia a ideia do COB é fazer com que todas as equipes continuem disputando a competição. “Antes as equipes desclassificadas não tinham mais disputas. Agora não, com este formato as escolas se manterão motivadas a continuar na competição”, destaca Josélia.

Para 2019 o COB abriu mais uma vaga para o técnico do atletismo e fisioterapeutas.  O estado será contemplado com essas vagas de acordo com o número de atletas inscritos pela delegação e participantes efetivos no evento.

Na reunião no Rio de Janeiro foi definida também a data da terceira etapa regional Sul dos JEJ, que será realizada de 2 a 6 de setembro em local ainda a ser definido pelos organizadores.

Para a etapa nacional ficou definido o período de 16 a 30 de novembro com a sede ainda a ser definida pelo COB.

Todas as mudanças no regulamento geral tratadas no encontro serão encaminhadas aos estados até dia 20 de dezembro e o regulamento técnico será divulgado em Fevereiro de 2019 após as alterações realizadas pelas confederações.

 

Por Júlio Castro

Cerca de 30 atletas catarinenses, entre medalhistas e participantes dos Jogos Escolares da Juventude (JEJs) e da Paralimpíada Escolar, foram recebidos na tarde de quinta-feira , dia 13, no gabinete do governador Eduardo Pinho Moreira. A comitiva liderada pela presidente da Fesporte professora Natália Lúcia Petry foi recepcionada pelo comandante de gabinete, o ex-secretário Miguel Ximenes que justificou a ausência do governador devido a problemas familiares. 

Nos JEJs, disputado em Natal/RN e a Paralimpíada, em São Paulo, no período de 12 a 26 de novembro, Santa Catarina esteve representada por 400 atletas nas modalidades coletivas e individuais. No uso da palavra, durante o encontro no Centro Administrativo, Natália Lúcia Petry destacou o esforço e dedicação dos atletas em busca de medalhas e fez um agradecimento especial ao governo do Estado pelo apoio dispensado à participação catarinense nas competições nacionais. 

“Fomos vice-campeões na Paralimpíada e nos Jogos Escolares ficamos entre as três principais forças do esporte amador brasileiro. Isso nos enche de muito orgulho e satisfação para sempre buscar voos mais altos. E quando falo em orgulho, reforço nosso sentimento de gratidão ao esforço que o Estado, na pessoal do Governador Eduardo Pinho Moreira, tem dispensada para o fomento do esporte em todas as regiões de Santa Catarina”, comentou Natália Petry. 

“Todos são merecedores dos nossos parabéns. Fica aqui a nossa torcida para que, em nome do governo, essa participação cresça cada vez mais e, sempre, com muitas conquistas”, comentou o comandante de gabinete Miguel Ximenes.  Na Paralimpíada, a delegação catarinense de 108 atletas conquistou 92 medalhas, sendo 45 de ouro, 26 de prata e 23 de bronze, perdendo apenas para São Paulo entre os todos os estados da Federação participantes. Nos Jogos Escolares, foram 72 medalhas, sendo 13 de ouro, 37 de prata e 22 de bronze.

Pagina 1 de 191