Quinta, 13 Outubro 2016 18:25

Kemelli: o diamante cobiçado Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Com apenas 17 anos, Kemelli tem sido alvo de olheiros Com apenas 17 anos, Kemelli tem sido alvo de olheiros Heron Queiroz

Com apenas 17 anos, Kemilli Trugilho já tem uma vida de plena dedicação ao futsal e ao futebol e experiência que a deixa na condição de estudar todas as propostas que têm chegado de clubes nacionais e estrangeiros.

Kemelli chegou na terça-feira (11) da Jordânia, onde atuou como goleira titular da seleção brasileira na Copa do Mundo de Futebol Feminino Sub-17, depois da eliminação em decorrência da derrota para a Inglaterra, por 2 a 1, num jogo bastante equilibrado, e já está atuando em Caçador, defendendo Criciúma nos Joguinhos.

Ela conta que nasceu em Petrópolis (RJ) e veio para Concórdia aos três anos de idade, iniciando as atividades de futsal, modalidade pela qual se confessa apaixonada. Dois anos depois, foi para Criciúma, passando a disputar futsal e futebol nos Joguinhos Abertos. A primeira convocação para a seleção aconteceu em novembro de 2014, e nesta última, ela passou a ter em seu currículo a participação num mundial.

A atleta, que atua pela FME Criciúma/Rogacionista/Esucri, diz não poder revelar os clubes nacionais interessados. Conta apenas que há outras propostas como de universidades dos Estados Unidos. Segundo ela, a decisão caberá aos pais juntamente com o empresário, embora não negue que, apesar da paixão pelo futsal e do amor ao País, o futebol no exterior pode lhe dar a visibilidade que não tem no Brasil e a experiência que fará ainda mais lapidado esse novo diamante do futebol feminino.

Texto: Heron Queiroz

 

Assessoria de Comunicação Fesporte

Antônio Prado

Heron Queiroz

Mariana Hendler

Tels: (48) 3665 6126, 36656127, 36656128

Cel: (48) 9635-9617

www.fesporte.sc.gov.br

https://www.facebook.com/fesporte

Lido 729 vezes Última modificação em Quinta, 13 Outubro 2016 18:34

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.