Prado

São José - A segunda-feira (21), terceiro dia de competição, marcou a estreia das modalidades coletivas dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para estudantes de 12 a 14 anos, que estão sendo realizados desde sábado dia 19 em São José. Vôlei, basquete, futsal e handebol tiveram jogos bastantes disputados na rodada inicial. Também estrearam nesta segunda ginástica rítmica, tênis de mesa e xadrez.

Faça aqui o download dos boletins atualizados dos Jesc 12-14 anos

Confira a galeria de fotos de todas as etapas dos Jogos Escolares

No vôlei feminino, uma das favoritas ao título, a Escola Estadual Francisco Mazolla, de Nova Trento, passou fácil pela Escola Estadual Nossa Senhora da Conceição, de São José: 2 a 0, com parciais de 25/13 e 25/14. “Esse início foi bom e acho que a equipe irá crescer durante a competição”, disse a auxiliar técnica Vandeca, de Nova Trento. 

Para ela sua equipe, que é comandada pelo experiente técnico Marcelo Garin, terá como principal adversária a Escola Estadual Sara Castelhano Klenkauf, de Guaraciaba. “As meninas de Guaraciaba são as atuais campeãs estaduais mirins, portanto, todo o favoritismo é para elas”, enfatiza Vandeca. Os Jesc são uma promoção da Fesporte em parceria com a Prefeitura de São José e envolvem em sua totalidade 1.849 alunos-atletas de 533 escolas de 166 municípios.

Mais Informações

Antonio Prado

(48) 9696-3045

 

São José - A Comissão Organizadora dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) 12 a 14 anos informa que houve mudança em relação aos locais de competições do futsal e handebol. A comissão inverteu os locais dos jogos. Antes onde estava marcado o futsal, agora será disputado o handebol, e vice-versa. As duas modalidades começam nesta segunda-feira, dia 21.

Agora, o futsal será no Ginásio Municipal de Esportes Barreirão - Rua: Otto Júlio Malina S/Nº, Bairro Ipiranga (ao Lado da Escola Wanderley Junior).

O handebol terá como praça esportiva o Ginásio do Sesi – Rua Farroupilha, 150, Bairro Campinas.  A mudança, segundo os organizadores, ocorreu em função de que o ginásio do Sesi dispõe de dimensões oficiais para a prática do handebol.

Anteriormente, o xadrez também havia mudado de local e a partir desta segunda-feira será disputado no Salão da Paróquia Santo Antônio (3º andar) - Rua Irmãos Vieira, 4, Bairro Campinas.

São José - Com o fim do atletismo, judô, ciclismo, natação e badminton, a segunda-feira (21) marca a estreia de mais sete modalidades nos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para alunos de 12 a 14 anos em São José, na Grande Florianópolis. A reta final terá como atração as competições de basquete, futsal, ginástica rítmica, handebol, tênis de mesa, vôlei e xadrez.

Faça aqui o download dos boletins atualizados dos Jesc 12-14 anos

 

Confira a galeria de fotos de todas as etapas dos Jogos Escolares

Entre os destaques, os atletas do vôlei masculino da Escola Municipal Erwin Prade, de Timbó, chegaram no domingo bastante empolgados para buscar um feito e tanto: o hexacampeonato dos Jesc. A equipe é a atual campeã dos Jogos com boa parte da base que está em São José. 

O professor da equipe, Wagner Ricardo Marschner, explica que a equipe está sempre se renovando e os atletas são incentivados a ter disciplina e responsabilidade. "Através da escolinha de vôlei os alunos são motivados a cumprir suas obrigações escolares, conciliando com os treinos e demais atividades". Os atletas do vôlei treinam duas horas e meia, de quatro a cinco vezes por semana.

Os atletas Davi Bell Marson, 14 anos, e Guilherme Augusto Keim Stein, 14 anos, participaram dos Jesc do ano passado e também do campeonato Brasileiro. Eles contam que foi uma experiência muito boa, pois através do esportes estão tendo diferentes oportunidades. "Foi uma experiência única, aprendi muitas coisas, principalmente a se relacionar com os colegas", disse Davi. 

Sobre as competições, os atletas timboenses contaram que estão empolgados e também um pouco nervosos. "Esperamos a classificação, vamos lutar por isso, mas sabemos que devemos manter o foco e não podemos entrar achando que será fácil para alcançarmos nosso objetivo", disse Guilherme.  

As competições prosseguem até quarta-feira, dia 23, quando serão conhecidos todos os campeões dos Jesc que vão representar Santa Catarina nos Jogos Escolares da Juventude, de 4 a 13 de setembro, em Londrina-PR. O evento na Grande Florianópolis é uma promoção da Fesporte em parceria com a Prefeitura de São José.

Confira os locais de competição

Ginástica rítmica

Centro Multiuso de São José - Avenida : Aciony de Souza Filho, S/Nº, Bairro Campinas - Beira Mar de São José.

Xadrez 

Salão da Paróquia Santo Antônio (3 andar) - Rua Irmãos Vieira, 4, bairro Campinas.

Basquete

Ginásio Municipal de Esportes Nedir Vando Macedo - Rua: Fulvio Vieira da Rosa, S/Nº, Bairro Barreiros (ao lado da Central de Polícia).  

Futsal

Ginásio Municipal de Esportes Barreirão - Rua: Otto Júlio Malina S/Nº, Bairro Ipiranga (ao Lado da Escola Wanderley Junior). 

Handebol

Ginásio do SESI – Rua Farroupilha, 150, Bairro Campinas.  

Tênis de mesa

Ginásio Municipal de Esportes João José Martins – Rua Independência, S/Nº - Bairro Areias (ao lado da Escola Juscelino Kubitschek).

Vôlei

Ginásio Municipal de Esportes Campinas - Avenida: Altamiro di Bernardi S/Nº, Bairro Campinas (ao lado do Centro Comercial Camelão).  

Mais Informações:

Antonio Prado e Aline Scatolin

(48) 9696-3045

São José - O badminton dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc), que terminou neste domingo (20), em São José, na Grande Florianópolis, reuniu 20 alunos-atletas entre masculino e feminino com idade entre 12 a 14 anos. E a Escola Estadual São Luiz, do município de União do Oeste, foi a grande campeã, pois venceu no masculino e feminino de forma invicta.

Em cada naipe foram cinco vitórias. Entre os homens, a medalha de ouro ficou com Deividy Piana, 14 anos, estudante do 1º ano do ensino médio. E entre as mulheres, o título foi conquistado por Talita Vicenzi, 13 anos, também estudante do ensino médio. O detalhe: no ano passado, os dois atletas haviam ficado com o segundo lugar.

“Acho que ganhei porque treinei mais este ano”, admite Deividy, que achou o nível técnico muito bom. “Eu fui campeã, mas acho que tenho que melhorar em todos os fundamentos”, admite Talita.

Os campeões e os vices do badminton se classificaram para a etapa nacional da competição: os Jogos Escolares da Juventude, que serão realizados de 4 a 13 de setembro, em Londrina (PR).

Eis os medalhistas

Masculino:

1º lugar: Deividy Piana – Escola Estadual São Luiz (União do Oeste)

2º lugar: Alan Siqueira – Escola  Estadual São Luiz (União do Oeste)

3º Lugar: Diogo Périco – Colégio Uniarp (Caçador)

Feminino

1º lugar: Talita Vicenzi – Escola Estadual São Luiz (União do Oeste)

2º lugar: Francine Zelindro – Escola Municipal Atayde Machado (Jaraguá do Sul)

3º lugar: Andrieli Morgan – Escola Estadual São Luiz (União do Oeste)

Mais Informações:

Antonio Prado

(48) 9696-3045

 

São José - O sonho de cada atleta que participa da etapa estadual dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) de 12 a 14 anos é ser campeão do torneio e garantir o direito  representar Santa Catarina na etapa nacional da competição, os Jogos Escolares da Juventude, que se realizarão de 3 a 13 de setembro, em Londrina-PR. E este sonho chegou para16 estudantes entre masculino e feminino que disputaram o judô neste sábado (19) no Centro Multiuso, em São José.

Faça aqui o download dos boletins atualizados dos Jesc 12-14 anos

Estavam na disputa as medalhas de ouro nos pesos super ligeiro, ligeiro, meio leve, leve, meio médio, médio, meio pesado e pesado. No total 309 estudantes disputaram medalhas no tatame. Os Jesc são uma promoção da Fesporte em parceria com a Prefeitura de São José.

Um dos felizardos com a medalha de ouro foi Gabriel Granja dos Santos, 13 anos, aluno da 8ª série do Colégio Guroo, de Florianópolis. “Venci no peso médio e é a segunda vez que participo da etapa estadual dos Jesc, já que participei o ano passado, e é minha segunda medalha de ouro na competição”, esclarece.

Gabriel revela que um dos objetivos é ser campeão dos Jogos da Juventude, este ano em Londrina, pois, em 2013 ficou com a segunda colocação. “Foi por pouco. Quase consegui a medalha de ouro. Fiquei com a prata, mas este ano serei campeão brasileiro, pois treinei com mais intensidade”, diz confiante.

Quem também era só confiança após conquistar a medalha ouro era Maria Fernanda  Círico dos Santos, estudante da 8ª série do Colégio Sagrada Família, de Blumenau."Consegui ser campeão aqui em São José no peso leve, assim como fui no ano passado e acho que tenho plenas condições de vencer em londrina, pois treinei mais este ano”.

Maraya Ballen Mucha, de 13 anos, que estuda na 7ª série do Colégio La Salle Peperi, de São Miguel do Oeste, não foi campeã no peso médio, pois levou o bronze, mas estava feliz. “Em 2013 treinava duas vezes por semana e fiquei em quinto lugar. Este ano passei a treinar cinco vezes e conquistei o bronze. Vou me dedicar mais para ser campeã em 2015”, concluiu.

Campeões e classificados no Judô

Super-ligeiro - Lucas Guilherme Burg (EEB Santa Terezinha/Brusque) e Beatriz Godin Laux (Colégio São José/Itajaí)

Ligeiro - Pedro Henrique Cunha Prado (Colégio Geração/Florianópolis) e Jaqueline Aparecida de Almeida (EEB Irmã Wienfrida/Catanduvas)

Meio-leve - Lucca Ferminio Ferreira (Bom Jesus Sagrado Coração de Jesus/Florianópolis) e Maria Eduarda Bahu (Escola Adventista/Chapecó)

Leve - Matheus Henrique de Oliveira (Colégio Cacildo Romagnani/Itajaí) e Maria Fernanda Cirico dos Santos (Colégio Sagrada Família/Blumenau)

Meio-médio - Eduardo França (EEB Alcino Gonçalo Vieira/Camboriú) e Pâmela Eloá Rudkowski (EEB Professora Geni Comel/Chapecó)

Médio - Gabriel Granja Marchiori (CE Guroo/Florianópolis) e Suelyn de Oliveira Marques (EEB Pedro Maciel/Chapecó)

Meio-pesado - Murillo Souza Cândido (EBM Basílio da Silva/Imbituba) e Pietra Ramon Antun (CE Roda Peão/Palhoça)

Pesado - Bernardo Uchikawa Welter (Colégio Bom Jesus Santo Antônio/Blumenau) e Paloma Neis (EEB Altamiro Guimarães/Antônio Carlos)

Mais Informações:

Antonio Prado

(48) 9696-3045

São José - O atletismo dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) para estudantes de 12 a 14 anos iniciou neste sábado (19) em São José, na Grande Florianópolis, na pista do Exército. Em um universo de 997 atletas há espaços para todos: brancos, negros, mestiços e mulatos. Atletas de bom nível técnico e de ponta se misturam a estudantes que disputam a competição e uma modalidade pela primeira vez. Os Jesc são uma promoção da Fesporte em parceria com a Prefeitura de São José.

Faça aqui o download dos boletins atualizados dos Jesc 12-14 anos

 A pequena Ana Paula dos Santos, 13 anos, aluna da 7ª série da Escola Municipal Núcleo Rio Doce, de Lebon Régis, viajou na sexta-feira (18) cerca 470 quilômetros até São José para realizar um sonho: participar  pela primeira vez da etapa estadual dos Jesc. Neste sábado, a franzina atleta, apesar de cruzar em último lugar na prova dos 250 metros, na pista de atletismo do exército, estava realizada. “Achei o máximo a experiência”, dizia com a respiração ofegante, quase desmaiando, enquanto era amparada pelo seu técnico e professor de educação física Rodrigo Machado Sordi. 

Ana Paula foi último lugar entre as cinco atletas que disputavam a série – a campeã seria a melhor atleta entre sete séries – e mesmo assim estava feliz. “Nossa, poder viajar pela primeira vez aqui perto de Florianópolis e ver as paisagens maravilhosas foi o máximo”, dizia ao final da prova Aninha, como é chamada pelos 12 colegas que competem os Jesc por Lebon Regis.

Heloisa Alexandre Dias, da Escola Estadual São Ludgero: campeã no salto em distância e segunda no ranking brasileiro (Foto: Antonio Prado)

Seu técnico, Rodrigo, era o retrato da felicidade. “Em nossa cidade o forte só é futebol e futsal. Então quando nos é dado a oportunidade de participar de um evento como os Jesc, por meio do atletismo, é algo que temos que valorizar, pois isso é muito importante para essas crianças. Muitas viajam pela primeira vez e isso é proporcionado pelo esporte”, diz o professor.

Os Jesc é um evento de participação, portanto um evento democrático que oportuniza desde ao atleta-estudante mais simples, como Ana Paula, aos mais graduados como Heloisa Alexandre Dias, 14 anos, aluna da 8ª série da Escola Estadual São Ludgero, do município do mesmo nome. Heloisa está em segundo lugar no ranking brasileiro no salto em distância configurando-se como uma das melhores atletas do Brasil na sua faixa de idade.

Com essa bagagem participar dos Jesc e ganhar uma medalha de ouro surge quase como uma ação protocolar. E neste sábado, ao cravar 5m25cm Heloísa conquistou o primeiro lugar sem grandes dificuldades, para a alegria do seu técnico Roberto Bortolotto, que revelou a atleta olímpica do atletismo Ana Cláudia Lemos. “Foi bom ganhar e meu tempo só não foi melhor porque a pista não estava em condições ideais”, disse a campeã.

Na estreia do atletismo foram disputados no primeiro dia, neste sábado, oito finais que valeram ouro e mais 21 provas classificatórias. Neste domingo a modalidade se encerra com a disputa de mais 18 provas.

Mais informações:

Antonio Prado

(48) 9696-3045

 

Pagina 249 de 264