Publicado em Olesc
Escrito por

Joinville conquista o atletismo masculino e feminino

O atletismo da 19ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) terminou neste domingo, 15, com emoção em Videira. Na disputa do troféu masculino  Joinville precisava não somente vencer o revezamento 4x100, misto, mas também bater o recorde da prova. Explica-se: apenas a vitória daria 13 pontos na classificação geral e com o recorde seria 16, ou seja, três pontos de bonificação. E assim os joinvilenses Leonardo Mendes, Uanderson da Silva, Barbara Vale e Camilly dos Santos voaram para cravar 3min.46s49 e bater o recorde da prova e conquistar os pontos que faltavam para ser campeão geral.

No masculino Joinville somou 130,5 pontos na classificação geral, contra 128 de Balneário Camboriú, que fechou em segundo lugar. Jaraguá do Sul ficou com troféu de terceiro lugar com 104 pontos

Já no Feminino Joinville teve uma vitória mais tranquila ao atingir 126 pontos em primeiro lugar, contra Jaraguá do Sul, em segundo, com 78 pontos. Blumenau fechou o pódio com o troféu de terceiro lugar com 70 pontos.

Ao fazer uma análise do titulo a treinadora joinvilense Margit Weise, disse que o sacrifício valeu a pena. “Estamos aqui há três dias competindo sob sol e frio. Nossos atletas resistiram bravamente a tudo isso com garra e determinação e fomos campeões”, disse a treinadora.

Larissa da Silva Luci, de Nova Veneza, foi escolhida pelo júri técnico, a melhor atleta da Olesc. Ela bateu o recorde dos 800m com o tempo de 2min17s85 e se despede da competição como tetra campeã dos 800 e 1.500m. “Foi uma honra muito grande se despedir em grande estilo desta competição que é tão importante em minha vida”, disse a campeã.

Eduardo Malczevski, de Blumenau, foi o atleta destaque entre os homens. Ele foi recordista dos 100m rasos, estabelecendo uma nova marca na competição, com o tempo de 10s81. Venceu também os 200 metros com a marca de 22s19. “É muito gratificante ser o atleta destaque porque eu treinei muito para esta competição e consegui colocar todos os treinos em prática aqui em Videira”.

A etapa estadual da Olesc é uma promoção do Governo de Santa Catarina @governosc, por meio da Fesporte, em parceria com a prefeitura de Videira.

Texto: Antonio Prado/Ascom Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Joinville assume a liderança da Olesc em Videira

O domingo, 15, agitou o quadro de pontuação da 19ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) e fez Joinville disparar na liderança com os primeiros troféus entregues na programação do evento em Videira. Isso porque as modalidades de natação e ginástica artística foram antecipadas, para agosto e setembro, respectivamente.

Seis títulos foram disputados neste terceiro dia de competição, o suficiente para Joinville assumir o topo da classificação, já que fez duas dobradinhas douradas: no caratê e no atletismo, além de um terceiro lugar no ciclismo e outro na ginástica rítmica. Com isso, os joinvilenses chegam a 84 pontos, seguidos por Florianópolis, com 52, e Jaraguá do Sul, com 51.

No ciclismo, Jaraguá do Sul ficou com o título, Florianópolis foi vice, e Joinville, terceiro. Na ginástica rítmica o troféu maior foi para a capital, com Blumenau na segunda posição e Joinville na terceira. No caratê masculino, Joinville em primeiro, Tubarão em segundo e Içara em terceiro. No feminino, Joinville, Blumenau e Içara fizeram a ordem do pódio.

A Olesc é um evento promovido pelo Governo de Santa Catarina – @governosc – e realizado por intermédio da Fesporte, tendo esta 19ª edição a parceria com o Município de Videira.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Joinvilenses vencem no caratê com dobradinha

Joinville conquistou ouro no caratê masculino e no feminino da 19ª Olimpíada Estudantil Catarinense. Os títulos foram confirmados com o kumite por equipe, realizado na manhã deste domingo, 15, no ginásio do Sesi, em Videira. 

Joinville foi terceiro no kumitê feminino, ao lado de Tubarão, ficando atrás de Içara e do primeiro colocado, Blumenau. No masculino, a equipe do Norte do estado, ficou com o ouro, seguida de Araquari, na segunda posição e Chapecó e Pomerode dividindo a terceira.

Na classificação geral, Joinville atingiu 76 pontos no masculino. Em segundo, ficou Tubarão, com 54, e em terceiro, Içara, com 37. No feminino, os joinvilenses somaram 60 pontos, seguidos dos caratecas de Blumenau, com 53, e os de Içara, com 48 pontos.

A Olesc é um evento promovido pelo Governo de Santa Catarina – @governosc – e realizado por intermédio da Fesporte, tendo esta 19ª edição a parceria com o Município de Videira.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Floripa vence prova de estrada e Jaraguá é bi no ciclismo

Florianópolis venceu a prova de estrada do ciclismo da Olesc, mas Jaraguá do Sul é que ficou com o título geral da modalidade, na soma das provas: cross country masculino (8 pontos), cross country feminino (9), team relay (7), bicicross (21) e estrada (8), somando 53 pontos.

O ciclismo de Jaraguá do Sul é bicampeão da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc). O município repetiu o feito, depois de conquistar o primeiro título do ciclismo na última edição, em Indaial. Jaraguá do Sul somou 53 pontos, seguido de Florianópolis, com 38, e Joinville, com 33, completando o pódio geral da modalidade.

A diretora de esporte Cleide Mosca destacou o trabalho desenvolvido com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura e Esporte de Jaraguá do Sul. “Estamos felizes porque essa belíssima equipe foi bicampeã da Olesc, com um trabalho capitaneado pelo Guilherme Borchardt”, disse ela.

Florianópolis garantiu o vice-campeonato da modalidade com o ouro conquistado por Vinícius Menlak, na prova de estrada, na manhã deste domingo, 15, em Iomerê, município da região de Videira. A segunda colocação ficou com o ciclista Victor Gabriel Coitinho, de Erval Velho, e em terceiro, Ian Franceschini, de Concórdia.

Vinícius Menlak vem se destacando nas provas de velocidade nas competições de ciclismo juvenil. Essa conquista marcou o bicampeonato do ciclista, já que ele havia vencido a Olesc 2018, em Indaial. Neste ano, recebeu medalha de ouro também nos Jogos Escolares de Santa Catarina, de 15 a 17 anos, realizados em São Miguel do Oeste.

“Acredito que o nível dos atletas tenha evolído bastante, tanto quanto o meu. Consegui me empenhar muito mais. Agora é treinar mais para os Joguinhos do ano que vem”, destacou Menlak.

A Olesc é um evento promovido pelo Governo de Santa Catarina – @governosc – e realizado por intermédio da Fesporte, tendo esta 19ª edição a parceria com o Município de Videira.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Florianópolis é campeã inédita na ginástica rítmica

Ao receber o troféu de campeã geral da ginástica rítmica da Olesc, neste domingo, 15, em Videira, a treinadora florianopolitana Evelise Garafalo não segurou as lágrimas de emoção. Afinal, pela primeira vez o time da Capital conquistava o tão cobiçado troféu. 

“É com muito orgulho que voltamos pra casa com esse troféu depois de ter trabalhado arduamente o ano inteiro no nosso ginásio e inesperadamente sermos campeãs, principalmente porque não éramos favoritas. Nós tivemos a capacidade de colocar em prática tudo aquilo que treinamos”, disse a treinadora da Capital  Evelise Garofalo.  

Para conquistar o titulo geral Florianópolis somou 124,8 pontos e em segundo Blumenau fechou com 119,65 e em terceiro Joinville ficou com 116,15 pontos.

Ginastas de Floripa Helena Bresola, Luiza Muller, Ana Beatriz,Alice Diniz e Amanda Bento: choro ao saber da classificação à final (Foto: Divulgação)

A conquista da medalha de ouro das meninas de Floripa nas disputas do conjunto cinco arcos, neste domingo, quando encerrou a competição, era o ato final de um titulo geral aguardado há quase 20 anos de Olesc. 

O time do conjunto campeão foi formado Alice Schramm, Amanda Batista, Ana Beatriz Araújo, Ana Laura Martins, Giulia Ibusuki, Helena Marques , Luíza Santos e Talita Silva.

Confira as demais campeãs 

Individual geral - Ana Luiza Franceschi de Souza – Joinville

Aparelho mãos livres – Ana Luiza Franceschi de Souza – Joinville

Aparelho corda – Natália Metzner – Blumenau

Aparelho Conjunto 5 arcos – Florianópolis

Aparelho conjunto geral – Florianópolis

Individual por equipe – Blumenau

Texto: Antonio Prado/Ascom Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Quatro modalidades encerram neste domingo em Videira

A 19ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) completa seu segundo dia de competições, em Videira, trazendo Florianópolis na liderança do quadro de pontuação, com 31 pontos, seguido de Joinville, com 22, Itajaí, com 19, e Jaraguá do Sul, com 15. 

Muito ainda há por competir até o dia 21 de setembro. Das 26 disputas por troféus, 12 estão acontecendo, além das que foram antecipadas: natação e ginástica artística, ambas as modalidades no masculino e no feminino, modalidades estas que definiram a pontuação geral até o momento.

O domingo, 15, promete grande movimentação no quadro de pontuação. É que quatro modalidades se encerram: caratê, ciclismo e ginástica rítmica (as três pela manhã) e atletismo (à tarde). São, portanto, seis troféus em disputa, considerando que atletismo, caratê têm as disputas do masculino e do feminino, enquanto que a ginástica rítmica ocorre apenas no feminino e o ciclismo um só troféu de campeão para o município que somar mais pontos, em ambos os gêneros.

Aliás, a segunda e terceira colocações de Jaraguá do Sul, na prova de bicicross, na manhã deste sábado, 14, levaram os jaraguaenses à primeira colocação geral no ciclismo, ficando muito próximos da conquista do primeiro lugar da modalidade e da respectiva pontuação no quadro geral, podendo subir posições.

No atletismo, Chapecó, Joinville e Concórdia brigam nas três primeiras posições do feminino, e Joinville, Balneário Camboriú e Jaraguá do Sul no masculino. No caratê feminino, brigam pelo título Joinville, Tubarão e Blumenau. Os dois primeiros também estão no topo da tabela do masculino, seguidos por Içara. Na ginástica rítmica, disputam as três primeiras colocações Blumenau, Florianópolis e Joinville.

Acompanhe todos os resultados e programação pelos boletins diários (clique aqui para acessar).

Na segunda-feira, 16, iniciam-se as demais modalidades, exceto o tênis, que começa na terça, 17, e o judô, na quarta, 18. A Olesc segue até o dia 21, próximo sábado. O evento é promovido pelo  Governo do Estado – @governosc – e realizado por intermédio da esporte, em parceria com o Município de Videira.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

 

Publicado em Olesc
Escrito por

Ana, a pequena notável, é a melhor da Olesc

A sexta-feira 13 é, para muitas pessoas, o dia do azar. Não para a ginasta Ana Luíza Francesci, de Joinville, que já se consagra nesta da 19ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc)  como a pequena notável da ginástica artística. Logo no primeiro dia de competição, na mesma sexta, Aninha, de apenas 11 anos, brilhou nos aparelhos mãos livres e corda. As apresentações somaram 43.950 pontos, impressionaram a arbitragem e garantiram à joinvilense a medalha de ouro no individual geral, o que significa que Aninha é a melhor ginasta da modalidade na edição 2019 da Olesc em Videira.

Já neste sábado, 14, já com o titulo de melhor ginasta, ela entrou novamente no tablado para disputar mais duas decisões no individual por aparelho. Na disputa do aparelho mãos livres foi ouro novamente e prata no aparelho corda. Perdeu o primeiro lugar para Natalia Metzner, de Blumenau.

Agora, a pequena notável joinvilense se prepara para mais uma batalha neste domingo, 15, quando encerram-se as competições com a disputa da medalha de ouro na segunda apresentação do conjunto. 

Ainda no primeiro dia de competição, na sexta-feira, Blumenau foi medalha de ouro no individual por equipe com as ginastas Isadora Beduschi, Julia Krug, Kendra Avila, Manuela Krug, Natália Metzner, Paloma Martin, Sofia Silva e Sophia Simm.

Ao fazer uma avaliação do título do individual geral Ana Luíza Francesci foi enfática: “Foi uma honra muito grande (a conquista da medalha de ouro), pois foram horas e dias de treinamento, incluindo sábados e domingos. Isso é muito satisfatório, pois sei que todo o esforço valeu a pena”. 

                                 Confira a entrevista com Ana Luíza

Irmã da também da ginasta supercampeã Luana Metzner, na qual se inspira, as palavras de Ana soam como um processo de mudança de patamar. Nada mal para uma atleta que na Olesc do ano passado nem se lembra em qual colocação ficou no individual geral. Recorda-se apenas que foi prata no aparelho mãos livres e bronze no individual por equipe.

Para a treinadora Vanessa Hagemann, a principal virtude de sua pupila é expressão corporal. “A Ana tem uma delicadeza corporal que encanta. Algumas árbitras estrangeiras dizem que ela tem um estilo europeu e isso, para o mundo da ginástica, tem um valor muito grande. Mas, além disso, ela é uma atleta dedicada nos treinos,  perfeccionista, sabe o que quer, tem atitude e um imenso talento”.

Por esse talento, entendem-se medalhas. Aninha diz que não sabe exatamente quantas conquistou na curta carreira, que iniciou com cinco anos de idade. “Acho que é de vinte e cinco a trinta medalhas”, chuta. Questionada sobre as cores das medalhas ela diz com segurança: “A maioria é de ouro”. Estes reconhecimentos vieram com títulos como estadual em 2017, quando foi campeã geral no pré-infantil, campeã sul-americana 2018, mesmo ano que foi campeã brasileira no aparelho corda.

Então. Alguém duvida de que essa pequena notável vá longe? 

A etapa estadual da Olesc uma promoção do Governo de Santa Catarina @governosc, por meio da Fesporte, em parceria com a prefeitura de Videira.

Texto: Antonio Prado/Ascom Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Eric Rian vence e leva ouro do BMX para Rio do Sul

O atleta Eric Rian Schutz, de Rio do Sul foi o vencedor da prova de bicicross da 19ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), em Videira. A segunda posição ficou com Warner de Oliveira Dalcanalli e a terceira com Bruno Lombardi Bizerra, ambos de Jaraguá do Sul. 

Eric lembrou que, na Olesc de 2018, ficou na semifinal por sofrer uma queda e, para este ano dedicou-se bastante nos treinos para buscar o título. “É uma prova difícil, com atletas de alto nível catarinense e brasileiro”, disse ele destacando ainda a emoção e o orgulho do momento.

Trinta e nove ciclistas de 12 municípios participaram da prova, que teve início às 10 horas deste sábado, 14, marcando a reabertura da pista de bicicross do Parque da Uva, em Videira, que sofreu reformas para sediar o ciclismo da Olesc e para os Joguinhos Abertos, para o ano de 2020. 

No domingo, 15, acontece a última prova de estrada, a última do ciclismo da Olesc, a partir das 10 horas, na rua Ademar Mendes, no Centro de Iomerê. A Olesc é promovido pelo Governo de Santa Catarina – @governosc – e realizada por intermédio da Fesporte, em parceria com o Município de Videira.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Definidos os atletas os mais rápidos da Olesc

Eduardo Malczevski, de Blumenau, e Alana Amorim, de Rio do Sul, confirmaram o favoritismo e venceram nas provas de 100m rasos da 19ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), na tarde desta sexta-feira, 13, primeiro dia de competições, nas provas de 100 metros rasos, com direito a quebra de recorde no masculino. 

Eduardo Malczevski, completou os 100m rasos, estabelecendo uma nova marca na competição, com o tempo de 10s81. Vindo de contusão na coxa direita, ele disse que não esperava fazer um tempo abaixo dos 11s. Treinando há um ano e meio para esse tipo de prova Eduardo Já havia quebrado o recorde estadual na categoria, na última semana, em Jaraguá do Sul, com o tempo de 10s68. A marca anterior, de 10s87, permanecia desde 2004. A prova ainda teve em segundo lugar Ryan Ottomeyer, de São José, com 10s95; e em terceiro, Arthur Ruckl, de Joinville, com 11s38.

Alana (branco), de São Bento do Sul, vence os 100m (Foto: Heron Queiroz/Fesporte)

No feminino, Alana Amorim, de Rio do Sul, estabeleceu a marca de 12s60. Ela já havia vencido nos Joguinhos Abertos as provas de 100m rasos, com 12s66, e 200 metros rasos, com 25s71. Em sua última participação na Olesc, Alana falou da dificuldade em correr com vento, mas ressalta a amizade entre as atletas. “É muito bom correr com as meninas, porque a gente é amiga, e passa da competição da rivalidade”, completou ela com felicidade. Em segundo, ficou a josefense Nicole Carvalho, 12s66; e em terceiro, Beatriz Neckel, de Balneário Camboriú, com 13s03.

                                 Assista a prova dos 100m masculino

Além dos 100m masculino e feminino, outras dez provas foram concluídas no programa da segunda etapa da modalidade, no total de seis etapas, que seguem até domingo, 15.

A Olesc é promovida pelo Estado de Santa Catarina ( @governosc ) e realizada por intermédio da Fesporte, em parceria com o Município de Videira. 

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Atletismo e ciclismo distribuem as primeiras medalhas da Olesc

A etapa estadual da 19ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense (Oesc) começou na manhã desta sexta-feira, 13, em Videira, distribuindo as primeiras medalhas da competição. O primeiro ouro veio no atletismo com Kauan Vicente Nicocelli, de  17 anos, de Joinville, que arremessou o martelo a 52m50cm. “Este ano estou fazendo uma boa temporada. Já venci recentemente os Joguinhos Abertos de Santa Catarina e agora na Olesc onde não esperava vencer”, admitiu o campeão.

Quem também saiu feliz da pista de atletismo do Complexo Esportivo Sérgio  Luiz Marafon foi Alex Agostinho, de Balneário Camboriú, medalha de ouro no salto em altura ao saltar 1m83cm. “Treino há três anos para conquistar este primeiro lugar. É uma sensação muito boa. Só tenho a agradecer meus treinadores Daia e Diogo Gamboa e que me proporcionaram isso. Estou muito feliz”, disse o campeão.

Além das primeiras medalhas do atletismo a manhã desta sexta-feira foi dia de premiar os campeões das primeiras provas do ciclismo. Na briga entre municípios quem se deu melhor na prova Team Relay foi a equipe de Florianópolis, que conquistou o primeiro lugar, seguida de Joinville, em segundo, e Jaraguá do Sul, que fechou sua participação em terceiro lugar.

Já na prova seguinte, a de cross-country, Mateus Coan, de São Bento do Sul, ficou com a medalha de ouro, seguido de Nicolas Pereira, de Balneário Camboriú, em segundo, e  Ian Franceschini,  de Concórdia, em terceiro lugar geral.

Entre as mulheres a medalha de ouro do cross-country coube a Liandra Heimann, de Timbó, com Letícia Garcia, de Jaraguá do Sul,em segundo, e Mireli Nunes, de Joinville, em terceiro lugar.  

A Olesc é uma promoção do governo de Santa Catarina (@governosc) e realizada por intermédio da Fesporte, em parceria com o município de Videira.  

As competições prosseguem neste sábado, 14, até o dia 21. Em Videira são 12 modalidades em disputa: atletismo, basquetebol, caratê, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, tênis, tênis de mesa, voleibol e xadrez, masculinos e femininos. 

 

Texto: Antonio Prado

Publicado em Olesc
Escrito por

Cerca de 3 mil pessoas na abertura da Olesc em Videira

Um público de aproximadamente 3 mil pessoas esteve presente no Centro Poliesportivo Municipal Sérgio Marafon, o Medalhão, para a abertura oficial da 19ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc).

Atletas de 82 municípios catarinenses fizeram o desfile das delegações participantes. Dentre as autoridades presentes, estavam a vice-governadora do Estado, Daniela Reinehr; o prefeito de Videira, Dorival Borga; e o presidente da Fesporte, Rui Godinho.

A cerimônia abriu com a apresentação coreográfica do Núcleo Municipal de Dança, que trouxe como tema a evolução humana. O trabalho dos coreógrafos Gislei Zornitta e Daniel Albuquerque contou com 70 bailarinos. O ato solene contou também com a participação da Camerata Videira e da cantora Maria Eloiza Otto, na execução do Hino Nacional e do de Santa Catarina.

Godinho destacou o comprometimento do Município de Videira na organização da cerimônia e de toda a estrutura e logística da Olesc. Para ele, o Governo do Estado, diferente de outros, não tira dinheiro do esporte, mas investe e cria ações de incentivo esportivo. “O Governo do Estado está comprometido com o esporte. Tanto o governador quanto a vice-governadora apoiam o esporte catarinense por meio das ações da Fesporte, para vocês cidadãos catarinenses”, disse ele. 

Para o prefeito Borba é um privilégio sediar um evento esportivo da dimensão da Olesc. “Videira está muito feliz em sediar a Olesc e por isso queremos agradecer à Fesporte pela oportunidade por ter confiado em nós. Poder receber mais de 80 municípios em um evento esportivo tão importante é um orgulho muito grande para a nossa cidade”.

A vice-governadora desejou sucesso a todos os participantes. “Eu vejo o fato de vocês estarem aqui uma grande oportunidade. Vocês já venceram algumas etapas para estarem aqui, e tenho certeza que todos estão imbuídos em darem o seu melhor para saírem daqui vitoriosos. E a vitória não é o primeiro lugar. Vocês levarão daqui muitas vitórias, aprendizados, muita saúde e um pedacinho de cada lugar que vocês conhecerem aqui em Videira, além de muitas novas amizades”, destacou ela.

"Aqui percebemos que Videira se comprometeu demais com o evento. Vimos a integração entre os funcionários da Fesporte e da prefeitura de Videira em realizar uma grande festa para os atletas e o público em geral.   Por isso tenho plena convicção que teremos uma grande Olesc" (Rui Godinho).                      Foto: Heron Queiroz

A mesatenista Maria Eduarda Comim conduziu tocha e fez o acendimento da pira, que fazia alusão a um dos principais produtos e símbolo da cidade, já que foi confeccionada em forma de folha de parreira sobre um cacho de uva que se iluminava gradativamente. Ao mesmo tempo em que a pira queimava, por trás dela, um enorme painel com a marca da Olesc dava boas-vindas aos participantes. O juramento foi pronunciado pela judoca Eduarda Deluque Gasparetto, sendo repedido pelas centenas de atletas presentes ao desfile.

As disputas já começam na manhã de sexta-feira, 13, com nove modalidades de basquete, handebol e vôlei, além atletismo, caratê, ciclismo, ginástica rítmica e xadrez. As primeiras medalhas da Olesc em Videira também já serão nesta sexta, na modalidade de atletismo. Apesar disso, não são as primeiras medalhas desta edição, já que, por questões técnicas, a natação e a ginástica artística foram antecipadamente realizadas em Palhoça e Blumenau respectivamente. Jaraguá do Sul foi campeã geral na natação masculina e Joinville no feminino. E na ginástica artística o título ficou com São Bento do Sul, entre os homens, e Florianópolis entre as mulheres.

São 12 modalidades em disputa até o dia 21 de setembro: atletismo, basquetebol, caratê, ciclismo, futsal, ginástica rítmica, handebol, judô, tênis, tênis de mesa, voleibol e xadrez, masculinos e femininos. A programação e resultados podem ser acompanhados pelos boletins diários disponibilizados ao fim de cada dia de competição no site da Fesporte (clique aqui para acessar).

A Olesc é uma promoção do governo de Santa Catarina (@governosc) e realizada por intermédio da Fesporte, em parceria com o Município de Videira.

 

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Publicado em Olesc
Escrito por

Abertura da Olesc trará evolução humana como tema

A Comissão Central Organizadora da 19ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) e a Fundação Municipal de Esporte de Videira reservam uma série de surpresas para abertura oficial do evento, que acontece às 20h desta quinta-feira, 12, no Centro Poliesportivo Municipal Sérgio Marafon, o Medalhão.

Dentre as atrações desta noite, acontecerá uma apresentação coreográfica que traz como tema a evolução humana. Com um mês e meio de ensaio, o trabalho foi desenvolvido especialmente para a Olesc pelo Núcleo de Dança Municipal, da Fundação Municipal de Cultura de Videira, e tem como coreógrafa Gislei Sagais Zornitta, em parceria com Daniel Albuquerque, do Grupo Backstreet. Segundo Gislei, a ideia do tema é abordar a origem humana e sua evolução para o movimento, passando pela concepção do esporte. O grupo de 70 bailarinos fez o ensaio geral na noite de quarta-feira, 11. A apresentação terá aproximadamente 18 minutos.

A cerimônia, que marca a abertura da etapa estadual da Olesc 2019, contará ainda com as aguardadas ocasiões de juramento do atleta e acendimento da pira. As competições já terão início na sexta-feira, 13, com a realização de 17 jogos em nove modalidades de basquete, handebol e vôlei, além atletismo, ciclismo, caratê, ginástica rítmica e xadrez. 

O Município de Videira também preparou uma programação cultural especialmente para a Olesc. No dia 14 de setembro (sábado), às 15 horas, Aniversário do Museu, no Museu do Vinho Mário de Pellegrin. No dia 15 (domingo), às 16 horas, Arte no Parque com Banda Dona Cleusa e Kauã Oliveira, no Parque do Rio do Peixe. E no dia 18 (quarta-feira), às 20 horas, Luau com Observação e Música com Banda Mr. House, no Observatório Astronômico Domingos Forlin.

Até dia 21, Videira recebe cerca de 2.800 atletas com idades de 8 a 17 anos, vindos de 82 municípios catarinenses. A competição é uma promoção do governo de Santa Catarina (@governosc) e realizada por intermédio da Fesporte, em parceria com o Município de Videira.

Texto: Heron Queiroz/Ascom/Fesporte

Pagina 1 de 25