Sexta, 08 Setembro 2023 23:52

Santa Catarina: 2º lugar na regional das Paralimpíadas Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
Santa Catarina no pódio após receber o troféu de vice-campeã Santa Catarina no pódio após receber o troféu de vice-campeã Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte)

A delegação de Santa Catarina conquistou o segundo lugar da etapa regional 3 das Paralimpíadas Escolares, realizada entre os dias 5 e 8 de setembro, no Centro Paralímpico Brasileiro, em São Paulo. 

O anúncio foi feito na cerimônia de encerramento que aconteceu no final da tarde desta sexta, 8. No primeiro momento foram anunciados os três melhores colocados nas modalidades disputadas. 

No Atletismo, o campeão foi São Paulo, o segundo lugar foi de Santa Catarina e o terceiro colocado, o Espírito Santo. Na Bocha Paralímpica, São Paulo foi o campeão, Santa Catarina novamente vice e o Rio Grande do Sul, em terceiro. Na Natação, repetiram-se os dois primeiros colocados, São Paulo e Santa Catarina, respectivamente e em terceiro lugar, o Rio de Janeiro. 

A classificação geral das etapas regionais da competição, de acordo com o regulamento oficial das Paralimpíadas Escolares, é definida pela soma das colocações dos Estados obtidas nas três modalidades, que obedece à uma pontuação pré-estabelecida para cada posição na tabela.

A delegação de São Paulo somou 42 pontos no total com o desempenho em atletismo, bocha e natação, e garantiu o primeiro lugar na classificação geral. A delegação de Santa Catarina chegou a 33 pontos e conquistou a posição de vice-campeã, enquanto Rio Grande do Sul, com 22, ficou em terceiro lugar.  Rio de Janeiro finalizou a sua participação na quarta colocação com 21 pontos; Espírito Santo somou 20 e ficou em quinto lugar; e os paranaenses totalizaram 18, encerrando a competição na sexta posição.

Esta foi a terceira e última disputa regional das Paralimpíadas Escolares 2023, contando com mais de 700 participantes, dos seus estados supracitados. A primeira etapa regional aconteceu em Belém (PA), entre os dias 9 e 11 de agosto, quando 500 paratletas de 10 estados competiram e os anfitriões ganharam o título. Já a segunda regional aconteceu em Brasília, de 30 de agosto a 1º de setembro, e recebeu 530 paratletas de 11 unidades da federação e consagrou o estado de Minas Gerais como campeão. 

Nessa etapa regional 3, a equipe catarinense contou com 203 participantes, incluindo paratletas, técnicos, staffs, fisioterapeuta, dirigentes esportivos e assessoria de imprensa. 

Destaques do segundo dia

Um dos destaques desse segundo e último dia desta competição foi o novo recorde da prova dos 75 metros livre, classe 43, sub 16 das Paralimpíadas Escolares do garoto de Romelândia, João Vitor Moreira dos Santos. A nova marca é de 12s42. O recorde anterior foi estabelecido em 18 de novembro de 2019, com o tempo de 12s77.

     Novo recordista dos 75 metros livre, classe 43, sub 16, João Vitor, com seu técnico, Elisandro               Foto: Divulgação 

 

Outro destaque foi o garoto Emanoel Carlos dos Santos, de Penha, conquistou a medalha de ouro ao vencer o paratleta da seleção brasileira de bocha, Caio Henrique (de São Paulo). Nesta etapa regional 3 das Paralimpíadas Escolares, Emanoel jogou 4 partidas, vencendo três e assim assumiu o lugar mais alto do pódio. 

  Ouro na Bocha Paralímpica, Emanoel comemora ao lado do pai, Eduardo.   Foto: Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte)

Texto – Delamare de Oliveira Filho (Ascom/Fesporte) (48) 99683 5416

 

Lido 747 vezes Última modificação em Sexta, 29 Setembro 2023 13:28